18 de janeiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Festival Flor dos Andes

Amigos lamentam morte de Ingra Padilha e mantêm festival para homenagear a artista da Praça Bolívia

Artista era uma das responsáveis pelo funcionamento da Praça Bolívia na Capital há mais de dez anos e morreu em decorrência do câncer agravado pela covid

1 dezembro 2020 - 09h00Da Redação
Após lutar contra câncer Ingra Padilha faleceu ontem (2)
Após lutar contra câncer Ingra Padilha faleceu ontem (2) - (Foto: Divulgação)

Muito conhecida por quem frequenta o meio cultural de Campo Grande, Ingra Padilha, 37, faleceu ontem (2), após enfrentar uma luta há dois anos contra o câncer. Em 2018 ela foi diagnosticada com câncer de mama e passou por várias cirurgias, inclusive a retirada dos seios. Um ano depois, após sentir fortes dores de cabeça, foi diagnosticada com metástase cerebral, realizando cirurgia em Campo Grande.

Em agosto deste ano, foi constatada uma reincidência da metastase no cérebro, onde realizou nova cirurgia, o que causou sequelas neurológicas e vem desde então, tratando a doença. Para tentar ajudar a família a custear o tratamento, um grupo de amigos, entre artistas, produtores culturais e profissionais de várias áreas de atuação, iriam realizar o Festival Flor dos Andes, para homenagear e financiar recursos para o tratamento da Ingra, que provê os recursos necessários para o funcionamento da Praça Bolívia há mais de dez anos. No entanto Ingra faleceu ontem em decorrência do agravamento da doença por conta da Covid-19.

Pelas redes sociais os amigos lamentaram a morte da "Flor dos Andes" e fizeram homenagens emocionadas ao trabalho desenvolvido pela artista.

Ingra Padilha lutou há mais de 2 anos contra o câncer - (Foto: Divulgação)

O Festival Flor dos Andes que tinha previsão de ocorrer para homenagear e angariar recursos para o tratamento da Ingra, será mantido a pedido da família. O Festival será realizado hoje e amanhã, com lives – apresentações artísticas, ao vivo, por meio do YouTube do Grupo Tikay, com a participação de diversos artistas de variados segmentos culturais, entre música, dança, circo, teatro e poesia. Apoia o evento o Fórum Estadual e o Fórum Municipal de Cultura.

Os shows vão ser realizados diretamente do Armazém Cultural, começam às 17 horas e vão até as 22 horas. Atrações já confirmadas são o Grupo Tikai, Cia Dançurbana, Érico Bispo, Júlia Mendes & Banda, CanaRoots, Circo do Mato, Cachaça Mecânica, Teatro Imaginário Maracangalha, Maria Quitéria, Marcia Albuquerque, Projeto Kzulo, Renatto Jackson, Bárbara Albino, DJ TGB, Estefânia Martins, Marta Cel & Eduardo Martinelli, Teatral Grupo de Risco, Peixes Entrópicos e Banda Lutano.

Para saber mais, acesse o site da Praça Bolívia, e acompanhe também a página da Praça Bolívia no Facebook e Instagram.

Quer sugerir uma pauta ou contar sua história para o Light? Mande a sugestão para o nosso e-mail: redacao.acritica@gmail.com, pelo nosso WhatsApp (67) 9 9974-5440 ou pelo direct de nosso Facebook ou Instagram.

*Matéria atualizada em 03/12 às 10h30 para o acréscimo de informações.

Banner Whatsapp Desktop