21 de janeiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
ACESSO À SAÚDE

Agentes Comunitários cadastram no SUS moradores de área invadida

O cadastramento está sendo feito pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACSs), com apoio de outros servidores da unidade, do Distrito Sul e Conselho Local de Saúde

6 junho 2017 - 13h58
A estimativa é de que essa ocupação abrigue mais de 200 famílias
A estimativa é de que essa ocupação abrigue mais de 200 famílias - Divulgação

Os  moradores de uma área invadida localizada entre os bairros Los Angeles e Jardim Macaúbas –  Região Sul de Campo Grande – denominada loteamento Samambaia,  estão sendo cadastrados para terem acesso ao atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A estimativa é de que essa ocupação abrigue mais de 200 famílias.

Segundo a gerente da Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) – Jardim Macaúbas, Andréia Fernandes, responsável pelo trabalho de cadastramento, o objetivo é oportunizar que este morador, apesar de residir em uma área de invasão, possa ter acesso aos serviços de saúde oferecidos pela unidade e passem a ser contemplados dentro do trabalho da equipe de saúde da família.

“Nós temos que considerar que esse cidadão necessita de um atendimento de saúde como qualquer outra pessoa que mora aqui na região. Desta forma, incluindo ele dentro da agenda de trabalho da unidade, será possível ofertar os serviços e trabalhar com a prevenção e promoção de saúde para esta população também”, disse.

O cadastramento está sendo feita pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACSs),  com apoio de outros servidores da unidade, do Distrito Sul e Conselho Local de Saúde.

Conforme a gerente, a UBSF Macaúbas atende os moradores de pelo menos sete bairros da região Sul da Capital: Los Angeles, Macaúbas, Jardim Balsamo, Centro-Oeste, Ramez Tebet,  Cohab e Vespasiano Martins.

A unidade conta com três equipes do Programa Saúde da Família (PSF) – composta por quatro médicos; três enfermeiros; seis técnicos de enfermagem; três odontólogos e 24 Agentes Comunitários de Saúde (ACS).

Os pacientes têm acesso a consulta do farmacêutico clínico, na orientação quanto ao uso correto das medicações e seus benefícios, atendimento odontológico – prevenção e tratamento periodontal para toda a família desde a gravidez e funcionamento da Políclinica Odontológica com atendimento aos sábados diurno.

A unidade oferece ainda acompanhamento ambulatorial: Pré-Natal Baixo Risco, Hipertensão Arterial, Diabetes Mellitus, TB/Hanseníase, Puericultura (acompanhamento de crescimento e desenvolvimento infantil), Planejamento Familiar, Bolsa Familia para os beneficiários (acompanhamento de peso, esquema vacinal e pré-natal).

Banner Whatsapp Desktop