22 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
JBS - Covid 19
SAÚDE

Mitos e verdades sobre a saúde renal

Bruno Tokuda, médico nefrologista que atua na Cassems, desmistifica questões da saúde renal

13 agosto 2020 - 14h38Assessoria de Comunicação
Os rins são os órgãos responsáveis por eliminar as impurezas e substâncias tóxicas do sangue, equilibrar a quantidade de sais e potássio no organismo, regular a pressão arterial, além de produzir hormônios como, por exemplo, a eritropoietina
Os rins são os órgãos responsáveis por eliminar as impurezas e substâncias tóxicas do sangue, equilibrar a quantidade de sais e potássio no organismo, regular a pressão arterial, além de produzir hormônios como, por exemplo, a eritropoietina - (Foto: Divulgação)
O FLOR DA MATA - NOTICIAS

Os rins são os órgãos responsáveis por eliminar as impurezas e substâncias tóxicas do sangue, equilibrar a quantidade de sais e potássio no organismo, regular a pressão arterial, além de produzir hormônios como, por exemplo, a eritropoietina, que estimula a produção dos glóbulos vermelhos. Contudo, apesar da importância dos rins para a saúde, muitos mitos sobre sintomas, prevenção e cuidados ainda persistem na população. Para isso, o Bruno Tokuda, médico nefrologista que atua na Cassems, desmistifica questões da saúde renal.
 
Alimentação equilibrada contribui para a saúde renal?

“Verdade. Alimentação balanceada é fundamental na prevenção e até mesmo no controle de várias doenças que podem afetar os rins, como hipertensão, diabetes e doença de colesterol”.
 
Quanto maior a ingestão de água, melhor para os rins?
“Mito. Em alguns casos avançados de doença renal crônica, nós temos que restringir a quantidade de líquido sob o risco do paciente apresentar edemas, inchaços nas pernas e falta de ar”.
 
Hipertensão, obesidade e diabetes aumentam o risco de doença renal?
“É verdade, são os grandes vilões causadores de doença renal crônica que temos na atualidade. Essas doenças têm que ser controladas. Se elas não forem controladas, podem levar à doença renal crônica”.  
 
Tomar leite aumentam as chances de pedras nos rins?
“Isso é mito. Não tem uma alimentação específica que possa causar pedra nos rins. Nem todo mundo que tem pedra nos rins, tem pela mesma alteração renal. De maneira alguma deve-se tirar o leite, alimentos com cálcio da alimentação para evitar pedra nos rins”.
 
A cor da urina pode indicar problemas nos rins?
“Verdade. O aspecto e a cor da urina nos mostram muito como o rim está funcionando. Então, por exemplo, uma urina mais escurecida pode indicar que o paciente está desidratado. Uma urina com coloração mais avermelhada ou acastanhada pode indicar a presença de sangue na urina, ou até mesmo uma doença muscular, que seja sinal de uma condição mais grave”.
 
Urina com espuma é normal?
“Mito. Isso é um sinal de alerta, um sinal de que pode ter uma quantidade maior de proteína na urina, o que não é normal”.
 
Anti-inflamatórios e analgésicos prejudicam os rins?

‘Verdade. Muitos pacientes utilizam anti-inflamatórios de maneira contínua, não prescrita pelo médico e abusam dessas medicações. Eles podem sofrer um dano renal irreversível, o que pode levar, até mesmo, à necessidade de terapia dialítica”.
 
Homens estão livres de infecções do trato urinário?
“Mito. É menos provável, mas ainda assim, não é impossível. Se o homem tem infecção urinária, ele deve ter alguma alteração anatômica, como um problema de próstata, alguma má formação congênita, problema de bexiga ou na uretra”.
 
Todas as doenças do rim são incuráveis?

“Mito. Nós sempre focamos bastante na prevenção, no diagnóstico precoce, porque nós temos uma boa porção das doenças que são controláveis, ou seja, é possível tratar para que ela deixe de evoluir ou evolua de maneira mais lenta. Quando não há esse controle e evolui para uma doença crônica terminal, com um paciente em diálise, ainda há outros tratamentos e, até mesmo, o transplante renal”.  
 

Banner Whatsapp Desktop
TJ MS INTERNO

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você apoia o retorno do ensino presencial em escolas públicas ainda no ano de 2020?

Votar
Resultados
FORT ATACADISTA - Carne Fresca (interno)
TJ MS
pmcg ms