27 de fevereiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Política

TRE-MS oficializa nome de novos vereadores de Campo Grande

18 dezembro 2013 - 15h02
O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral) oficializou nesta quarta-feira (18) e diplomará já amanhã, os quatros novos vereadores da Câmara municipal de Campo Grande. Hoje, o tribunal fez a recontagem dos votos das eleições de 2012 para saber e ratificar quais dos então candidatos entram no lugar dos parlamentares cassados por compra de votos, pela corte eleitoral, ocorrido a nove dias. A perda dos mandatos fez dois antigos, Paulo Pedra (PDT) e Thais Helena (PT), e dois eleitos em primeiro mandato, Delei Pinheiro (PSD) e Alceu Bueno (PSL) a dar lugar a outros três estreiantes no Legislativo municipal.
 
O TRE-MS com a recontagem oficial, hoje, ratifica os nomes já 'calculado' e antecipado pela imprensa, nestes dias de espera da ação do órgão eleitoral. A nova composição da Câmara, ao menos se o quarteto cassado, não reverter situação no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), terá Francisco Luis do Nascimento (PRTB), conhecido como Saci; o médico Eduardo Cury (PTdoB); o professor José Chadid, ex-PSDB e o hoje já na vaga, Alex do PT.
 
Francsico, o Saci, ocupará a vaga de Bueno. Ele conseguiu 2.758 votos em uma das coligações de Edson Giroto, sendo do grupo do ex-prefeito Nelsinho Trad (PMDB), hoje então oposição. A coligação de Saci / Bueno, reuniu PRB, PSL, PRTB, PTC, PRP, PPL e PCdoB, que conseguiuram 46953 votos. Mas com a perda dos 4089 após a cassação, ficou com 42.864 votos.
 
Alex do PT, que ocupa o lugar de Thais Helena como suplente na coligação do PT, agora garante sua vaga como vereador em definitivo. Eduardo Cury (PTdoB) ocupará a segunda sobra conquistada pela coligação no lugar de Paulo Pedra (PDT).
 
Vereadores cassados pelo TRE-MS na semana passada
 
Possível problema
 
Já quem fica com a vaga de Delei Pinheiro (PSD) é o atual secretário municipal de Educação, José Chadid, ex-PSDB, que deve deixar o cargo para assumir a Câmara. Contudo, Chadid foi expulso do ninho tucano e o aprtido já adiantou que vai recorrer pela vaga.
 
A assessoria do TRE-MS confirmou que mesmo sem partido ele será diplomado normalmente, pois foi eleito e o processo partidário ocorreu após a eleição, recentemente, no mês de outubro.
 
Serviço
 
Segundo o TRE-MS, a diplomação acontecerá amanhã (19), às 17 horas na sede da 54ª Zona Eleitoral, que fica localizada na Rua Delegado José Alfredo Hardman, 180, Jd. Veraneio.
Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE
TJ MS