30 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Política

Prefeito suspeito de cobrar propina no interior de SP se afasta por 2 meses

6 novembro 2009 - 13h26
Fort  Atacadista - 21 ANOS

Silis é suspeito de exigir propina na execução de uma obra pública.

Em imagens registradas por uma câmera escondida, o prefeito, ligado ao PMDB, aparece recebendo propina para liberar dinheiro para a construção de uma creche. Moradores da cidade ficaram revoltados e com vergonha da situação.

Ainda nesta sexta, vereadores de Monte Castelo aprovaram a criação de uma comissão especial de inquérito com prazo de quatro meses para investigar o escândalo. Enquanto a denúncia de corrupção é investigada pela Polícia Federal, o governo suspendeu os pagamentos para terminar de construir a creche.

Flagrante

Nas cenas gravadas, o prefeito recebe dinheiro do empresário Edmar Gomes Ribeiro, que constrói a creche. Segundo o construtor, o prefeito exigiu um pagamento de R$ 8 mil.

Após receber apenas R$ 4 mil, o prefeito reclama e exige mais dinheiro. Mesmo após ter sido avisado sobre as imagens, o prefeito negou que estivesse cobrando propina.

A obra da creche, orçada em R$ 1 milhão, é financiada pelo governo federal. Mas os recursos são administrados pela prefeitura. Segundo o construtor, mesmo sabendo que o prédio será ocupado por crianças, o engenheiro responsável pela prefeitura o orientou a reduzir a qualidade e a quantidade dos materiais usados. O engenheiro não quis comentar as acusações.

O advogado do prefeito, Wilson Hirata, disse que o empreiteiro estava pagando uma dívida com o Odair Silis. O construtor reafirmou que o dinheiro era propina.

Banner Whatsapp Desktop
PMCG
MS Digital