04 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
LIBERDADE DE IMPRENSA 2016

Associação de magistrados repudia premiação a jornal do Paraná

Prêmio de Liberdade de Imprensa foi concedido pela Associação Nacional de Jornais

16 junho 2016 - 09h25Da redação, com informações de Claúdio Humberto
O prêmio está programado para ser entregue no próximo dia 18 -
O prêmio está programado para ser entregue no próximo dia 18 - - Reprodução

Em nota divulgada nesta quarta-feira, a Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) diz ser totalmente contrária a escolha do jornal paranaense Gazeta do Povo para receber o Prêmio ANJ de Liberdade de Imprensa 2016, concedido pela Associação Nacional de Jornais.

O prêmio, que está programado para ser entregue no próximo dia 18, foi concedido após os jornalistas começarem a ser alvo de ações de indenização movidas por juízes em várias cidades do Paraná. As ações se referiam sobre recebidos por juízes e representantes do Ministério Público.

“A postura da Associação Nacional de Jornais (ANJ) de premiar jornalistas por matéria tendenciosa sobre os vencimentos da magistratura é um atentado ao direito à informação”, disse o comunicado da AMB, que foi assinado pelo presidente da entidade, João Ricardo Costa.

A reportagem denunciou recebimentos acima do teto. De acordo com a AMB, essa postura “revela uma lamentável política de desinformação à cidadania”.

Em reposta ao comunicado dos magistrados, o presidente da ANJ, Carlos Lindenberg Neto, afirmou que a associação não questiona o direito constitucional de todo cidadão de recorrer à Justiça em defesa de seus direitos.

Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE