26 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
EM MIRANDA

Quadrilha que furtava veículos de luxo em São Paulo é presa em Miranda

Os dois veículos, avaliados em aproximadamente R$ 400 mil foram recuperados em Mato Grosso do Sul e serão restituídos às vítimas

22 setembro 2020 - 16h20Da Redação
A investigação apontou que o grupo criminoso subtraía automóveis que ainda estavam em concessionárias, os quais tinham suas placas trocadas e, posteriormente, eram revendidos na Bolívia
A investigação apontou que o grupo criminoso subtraía automóveis que ainda estavam em concessionárias, os quais tinham suas placas trocadas e, posteriormente, eram revendidos na Bolívia - (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Fort  Atacadista - 21 ANOS

Na manhã de hoje (22), policiais civis da Delegacia de Miranda, a 181 km de Campo Grande, colaboraram com a Polícia Civil de São Paulo (DIG/DEIC) na desarticulação de um grupo criminoso que furtava veículos de luxo de concessionárias.

A investigação apontou que o grupo criminoso subtraía automóveis que ainda estavam em concessionárias, os quais tinham suas placas trocadas e, posteriormente, eram revendidos na Bolívia.

Os criminosos subtraíam os veículos de dentro dos pátios das concessionárias ou enquanto eram desembarcados dos caminhões cegonha. Após o furto, os carros eram levados para o estado do Paraná, onde tinham seus sinais identificadores adulterados e, na sequência, transportados até o país vizinho, passando pelo município de Miranda.

Após a apreensão de duas camionetes 0 km, no mês de agosto, entregues pela Polícia Rodoviária Federal na Delegacia de Polícia de Miranda, a unidade policial procedeu diligências investigativas em conjunto com a Polícia Civil de São Paulo, que resultaram na prisão de dois envolvidos. Destes, um está custodiado na Delegacia de Polícia de Miranda e outro foi detido em Montes Claros/MG.

Os dois veículos, avaliados em aproximadamente R$ 400 mil foram recuperados em Mato Grosso do Sul e serão restituídos às vítimas.

Banner Whatsapp Desktop
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
PMCG