25 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
CONFUSÃO

Prefeito de Rio Verde ameaça populares com revólver, é desarmado e acaba preso pela PM

Mario Kruger pagou a fiança e foi liberado pela Polícia Civil

19 setembro 2020 - 21h07Da redação
Uma briga entre o prefeito Mário Kruger (PSC) e populares na tarde deste sábado (19) em Rio Verde de Mato Grosso, cidade a 203 quilômetros de Campo Grande, terminou em confusão com ameaças, xingamentos, arma e latas de cerveja na mão.
Uma briga entre o prefeito Mário Kruger (PSC) e populares na tarde deste sábado (19) em Rio Verde de Mato Grosso, cidade a 203 quilômetros de Campo Grande, terminou em confusão com ameaças, xingamentos, arma e latas de cerveja na mão. - (Foto: Reprodução)
Fort  Atacadista - 21 ANOS

O que era para ser um ato pacífico na cidade de Rio Verde de MT, acabou com ameaça com armas de fogo e a prisão do prefeito Mario Kruger, 68 anos, na tarde deste sábado (19). De acordo com inúmeros vídeos que viralizaram nas mídias sociais, Mario Kruger envolveu-se em uma confusão com moradores que estavam instalando um outdoor a favor do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro.
 
Segundo é possível verificar nas imagens, o prefeito chegou armado a local, dirigindo-se aos moradores que estavam instalando o outdoor às margens da rodovia federal BR-163, que corta a cidade. Ele tentou impedir que os populares colocassem a publicidade e os ameaçou, quando foi contido por eles, que lhe tomaram o revólver.
 
Os moradores aparecem bastante exaltados, atacando o prefeito e dizendo que ele estava bêbado, sendo que muitos aparecem segurando garrafas e latas de cerveja. Em uma das filmagens, o revólver passa pela mão de pelo menos três homens, antes de um deles retirar as balas, sendo que um deles chega a apontar a arma para o prefeito.
 
Mario Kruger é contido e colocado a força dentro de seu veículo, indo embora do local, porém, em outro vídeo, aparecem policiais militares prendendo o prefeito e o levando para a Delegacia da Polícia Civil. Porém, ele pagou a fiança e foi liberado para retornar para a sua residência, o que deixou os moradores irritados com o fato, pois, conforme os vídeos, o prefeito aparece os ameaçando.
 
A reportagem do jornal A Crítica tentou entrar em contato com o prefeito, mas até o fechamento da matéria não obteve sucesso. A PM e Polícia Civil também foram procuradas, mas não quiseram falar com a reportagem sobre o incidente.

Banner Whatsapp Desktop

Arquivo

Prefeito Mário Kruger - arquivo indisponível
Annelies
PMCG