25 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Polícia

Operação da PM prende 26 pessoas por tráfico de drogas na Capital

5 janeiro 2010 - 10h22
O comandante-geral da Policia Militar, coronel Carlos Alberto David dos Santos
O comandante-geral da Policia Militar, coronel Carlos Alberto David dos Santos - Arquivo
Fort  Atacadista - 21 ANOS

  Entre elas, estão seis adolescentes. Dois pontos de drogas foram fechados nos bairros Mário Covas e Cidade Morena. A operação aconteceu entre os dias 18 de dezembro e dois de janeiro.

  Na maior parte dos casos, as pessoas foram pegas durante as rondas dos PMs. As guarnições percorriam as principais ruas do centro e dos grandes bairros da capital para inibir a ação de criminosos por meio de um policiamento ostensivo, de presença. No caso de atitude suspeita, os policiais faziam as abordagens.

  Em várias ocasiões os policiais encontraram drogas e conseguiram desdobrar a ação prendendo fornecedores. Em duas estouraram bocas de fumo, acabando com pontos de venda de entorpecentes nos bairros Mario Covas e Vila Cidade Morena. Um rapaz que atendia pedidos de entorpecentes por telefone e entregava para o usuário também foi preso.

  O combate ao tráfico resultou ainda no cumprimento de dois mandados de prisão em aberto. A checagem da identidade dos abordados, procedimento padrão do policial militar, garantiu a captura de dois foragidos da justiça.

  Na opinião do comandante-geral, esses bons resultados são reflexos da Operação Fim de Ano da PMMS. Partes do plano de ação, as rondas com abordagem a veículos que podem ser usados em crimes e a busca pessoal em caso de atitude suspeita foram fundamentais para o sucesso da empreitada e continuarão fazendo parte das ações da PM. “Essa é nossa atividade diária. A segurança não vai diminuir com o fim do período de festas. Nós estamos nas ruas para proteger o cidadão. As guarnições fazem rondas frequentes em pontos críticos e de maior movimento no centro e nos bairros. A presença da PM está aumentando.

  O policial está cada vez mais próximo do cidadão e essa relação só tendo a se estreitar com a ativação das bases comunitárias de segurança. Esses bons resultados são mais um exemplo da necessidade do policiamento comunitário”, concluiu o comandante-geral da PMMS coronel Carlos Alberto David dos Santos.

Banner Whatsapp Desktop
PMCG
ALMS