28 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
sebrae revolution2
ASSALTO

Farmácia na capital de MS é roubada 4 vezes em menos de um mês

Assaltante foi preso em flagrante. Presidente da Associação de Travestis e Transexuais de MS foi detida por suspeita de envolvimento no crime

28 maio 2017 - 12h30Com informaçoes do G1
Cris Stefany foi ouvida e liberada. Ela nega participação no roubo
Cris Stefany foi ouvida e liberada. Ela nega participação no roubo - Divulgação

Funcionários de uma farmácia foram roubados na noite de sábado (27), no jardim Imá, em Campo Grande. Essa é a quarta vez que a farmácia é alvo dos bandidos somente este mês. Um jovem de 22 anos foi preso em flagrante. A presidente da Associação de Travestis e Transexuais de Mato Grosso do Sul (ATMS) foi detida por suspeita de envolvimento no crime.

A reportagem não conseguiu falar com Cris Stefany. Ela contou à polícia que faz um trabalho social com a família do rapaz preso, que deu uma carona para ele. No meio do caminho o jovem teria pedido para que Cris esperasse, para que ele fosse pegar um dinheiro com um amigo, e não sabia que se tratava de um roubo.

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 21h30 (de MS), funcionários da farmácia, localizada na avenida Júlio de Castilho, quando foram surpreendidos pelo assaltante. Com a mão por baixo do casaco, o ladrão ameaçava as vítimas.

O assaltante pegou o dinheiro do caixa e fugiu, perto da farmácia, um carro esperava por ele. Uma equipe da Polícia Militar passava pelo local e abordou o suspeito no momento em que ele iria entrar no veículo, dirigido por Cris.

Os dois foram levados para a delegacia. As vítimas reconheceram o rapaz e disseram que essa é a segunda vez foram roubadas por ele. Os funcionários contaram ainda, que Cris esteve na farmácia por volta das 18h e comprou alguns cosméticos.

O delegado Enilton Zala explicou, que as provas contra a presidente da ATMS eram insuficientes e por isso ela foi solta. O rapaz continuava preso até a publicação desta reportagem.

O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), do bairro Piratininga, como roubo majorado pelo concurso de pessoas.

Banner Whatsapp Desktop
GAL COSTA

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você já sabe em quem votar para prefeito de seu município?

Votar
Resultados
FORT ATACADISTA - Carne Fresca (interno)
pmcg ms
TJ MS