02 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Educação

UFPR pede tranquilidade aos calouros de curso suspenso pelo MEC

14 janeiro 2014 - 13h58
A Universidade Federal do Paraná divulgou nota sobre a situação do curso de Comunicação Social - Jornalismo, que teve o seu vestibular suspenso pelo Ministério da Educação, em dezembro, depois de um baixo desempenho no Conceito Preliminar de Curso. Uma visita à UFPR também aconteceu no fim do ano, mas o MEC considerou que o curso não atendia os critérios estabelecidos para a reativação do vestibular.
 
O mesmo tinha acontecido com o curso de Comunicação Social – Publicidade e Propaganda, mas a suspensão do vestibular foi revertida, o que não aconteceu com o curso de Jornalismo.
 
A UFPR informou que a suspensão do vestibular de Jornalismo ainda não está totalmente definida e um recurso da instituição ainda será julgado pelo MEC. A medida garantiria o ingresso de novos alunos no curso. A universidade garantiu que está dialogando com as secretarias de Regulação e Supervisão da Educação Superior e de Educação Superior, do MEC, para anular a suspensão. Segundo a UFPR, a decisão deve ser anunciada nos próximos dias.
 
A universidade comunicou que os cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda não apresentam problemas estruturais, de espaço, equipamentos ou corpo docente. Segundo a universidade, as notas baixas no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) obtidas pelos estudantes foram resultado de um boicote dos alunos. Nas últimas edições do exame, a maior parte deles entregou as provas em branco e questionou a validade do Enade, de acordo com a própria UFPR, que também pede tranquilidade aos calouros aprovados no vestibular 2013/2014.
Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE