23 de janeiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
senar
Direito - Justiça

Tribunal Federal faz sessões em Campo Grande para julgar 500 processos

MÊS DA ECONOMIA COMPER

Com pelo menos 500 processos de Mato Grosso do Sul já pautados, o Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3) sediado em São Paulo (SP) e com jurisdição nos dois estados, realiza nos dias 27 e 28 deste mês, em Campo Grande (MS), sessões extraordinárias de julgamentos da sua egrégia Segunda Turma. As sessões serão sediadas no auditório da sede da 1ª Subseção Judiciária de MS, localizada ao número 128 da Rua Delegado Carlos Roberto Bastos de Oliveira, no Parque dos Poderes, das 9 às 12 horas e das 14 às 19 horas (MS).


Advogados que estiverem em Campo Grande poderão fazer a sustenção oral dos respectivos processos no local dos julgamentos. Os que estiverem na capital paulista podem fazer a sustentação na sede do TRF3, por meio de videoconferência, devendo tal ato ser previamente agendado junto à Subsecretaria processante.


A realização das sessões da 2ª Turma do TRF3 em Campo Grande foi determinada pela presidente do Tribunal Federal, a desembargadora federal Marli Ferreira, a pedido da OAB-MS, através de gestões feitas pelo presidente da Ordem, Fábio Trad, e pelo secretário-geral Ary Raghiant Neto que, neste sentido, tiveram o apoio fundamental do desembargador federal Cotrim Guimarães, representante da advocacia sul-mato-grossense naquela Corte.


“A realização do julgamento dos processos de Mato Grosso do Sul aqui na Capital do estado, além de proporcionar agilidade, facilitará aos advogados locais, que não precisarão ir à São Paulo, o contato direto com os desembargadores federais”, comemora o presidente da OAB-MS, Fábio Trad.

Ele está convocando todos os advogados a aproveitarem a oportunidade e comparecer no local das sessões e aproveitar a rara oportunidade de fazer suas respectivas sustentações no TRF3 sem precisar ir a São Paulo.


“Esta é mais uma conquista de toda a classe jurídica e também da sociedade de Mato Grosso do Sul, graças à intervenção da OAB e da sensibilidade da presidência do TRF3”, afirma Fábio Trad. E acrescenta: “Coincidentemente as sessões de julgamento da instância superior da Justiça Federal serão realizadas no dia seguinte ao do aniversário de Campo Grande (que é comemorado no dia 26 de agosto) e constituem-se em mais um presente à nossa Capital.”


Conforme Resolução da desembargadora federal Marli Ferreira, editada do dia 31 de março deste ano, a pauta de julgamentos a serem realizados em Campo Grande compreenderá feitos oriundos de Varas situadas nos municípios

Banner Whatsapp Desktop
TJ MS