21 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
al outubro2
Educação

Sesi e Senai melhoram qualidade de ensino

Fort  Atacadista - 21 ANOS

As unidades atendidas são de Campo Grande, Corumbá, Três Lagoas, Dourados e Naviraí já deram os primeiros frutos na educação básica e profissional desenvolvidas pelos profissionais duas entidades. Ao todo foram cerca de 80 para professores e técnicos do Senai e em torno de 70 para os profissionais das unidades do Sesi no âmbito do programa de inclusão digital do Educação para a Nova Indústria desenvolvido pela CNI - Confederação Nacional da Indústria - para ampliar o acesso à tecnologia para educadores e técnicos das unidades operacionais do Sistema Indústria em todo o País.

Para o professor Alcides Peres Júnior, que ministra aulas de matemática e física na Escola do Sesi de Dourados, a rotina em sala com seus alunos mudou para melhor desde que recebeu o notebook em maio deste ano.

A aluna Marlene Flores, que tem 40 anos e faz a segunda fase da EJA (Educação de Jovens e Adultos), derrama-se em lágrimas ao falar das aulas de Alcides Jr. "Depois de tantos anos, eu estou tendo a oportunidade de um novo começo e eu preciso fazer melhor. Não posso falhar comigo, nem com os meus sonhos", desabafou.

O professor completa que sua intenção "é sempre motivar os alunos e, além disso, incrementar o conteúdo das aulas com o uso do notebook que recebemos é função nossa". Ainda segundo ele, o computador portátil trouxe uma nova fase para as disciplinas, pois confere agilidade ao trabalho dos docentes, melhorando a prática pedagógica. "Antes eu usava lousa, livro e giz para ensinar os conceitos, hoje nós, alunos e professores, usamos a Internet. Por exemplo, na última aula de matemática sobre a Seqüência Fibonacci e o Número de Ouro dos Gregos pudemos demonstrar isso através de pesquisa encontramos na natureza, modelos como os girassóis e as pinhas e nas artes plásticas, os quadros de Leonardo da Vinci entre outros", recordou-se.

Para Izabel Cristina da Silva, professora de Educação Infantil da Escola do Sesi de Três Lagoas, o notebook significou mudanças na rotina escolar. "Já trabalhei em outros locais também, mas aqui no Sesi me sinto valorizada e estimulada a me desenvolver ainda mais como professora, tanto pela forma como sou tratada pelo modo como isso é evidenciado.

Ganhar esse notebook demonstra bem isso na prática e, quando isso acontece, toda uma cadeia reage, hoje minha família, meus vizinhos e minha comunidade passaram a me respeitar de uma forma diferente por perceberem que eu sou valorizada aqui", revelou emocionada.

Banner Whatsapp Desktop
Annelies
PMCG