24 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Saúde

Sesau lança campanha do Dia Mundial de Luta Contra a Aids no dia 26 de novembro

19 novembro 2009 - 14h29
Fort  Atacadista - 21 ANOS

  A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), por meio do Programa Municipal de DST/Aids, realizará no dia 26 de novembro, às 8:00 horas, o lançamento da campanha do Dia mundial de luta contra a Aids, cujas atividades que marcarão a data serão desenvolvidas na Praça Ary Coelho, na região central da cidade.

  O lançamento acontece no auditório da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Coronel Antonino, localizado na rua Dr. Meireles s/n, durante o encontro para elaboração do Plano de Ações e Metas - DST/HIV/Aids - ano 2010 – Município de Campo Grande. No mesmo dia, também será divulgado aos veículos de comunicação o Boletim Epidemiológico contendo os dados da Aids e doenças sexualmente transmissíveis em Campo Grande.

  Após o lançamento da campanha, o encontro irá realizar o planejamento do Plano de Ações e Metas - 2010, que irá orientar todo o trabalho do Programa Municipal de DST/Aids no próximo ano.

  Dia Mundial – Durante o dia 1° de dezembro, serão realizadas atividades culturais, com a presença de diversas organizações da sociedade civil, organizações de classe, com a participação da Rede de Pessoas Vivendo (RNP) e Movimento das Cidadãs PositHIVas, além de exposição de trabalhos artesanais realizados por pessoas vivendo com HIV/Aids. A abertura do evento terá a presença do prefeito Nelson Trad Filho e do titular da Sesau, Luiz Henrique Mandetta.

  O tema da campanha deste ano é VHIVER SEM PRECONCEITO. O objetivo é lutar contra o preconceito sofrido pelas pessoas que vivem com HIV/Aids. De acordo com a coordenadora do Programa Municipal de DST/Aids, a médica infectologista Gisele Maria Brandão de Freitas, “hoje uma pessoa que vive com HIV pode e deve ter uma vida normal: pode se casar, praticar esportes, estudar e ter uma vida de qualidade. O que tem que acabar é o preconceito contra estas pessoas”, enfatizou.

 

Banner Whatsapp Desktop
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Annelies