21 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
al outubro2
Administração Municipal

Projetos de mobilidade preveem ciclovia, pontes e modernização semafórica na Capital

3 setembro 2009 - 09h44
Fort  Atacadista - 21 ANOS

 Os projetos de mobilidade urbana apresentados nessa quarta-feira (02) pelo prefeito Nelson Trad Filho ao ministro Marcio Fortes de Almeida, das Cidades, prevêem obras de sinalização viária, modernização semafórica, execução de pontes e passarelas, abrigos para ônibus, ciclovias e viadutos. A equipe técnica da prefeitura elabora agora o projeto básico, os mapas, croquis e detalhamentos da proposta, ao mesmo tempo em que o prefeito defende a agilização da liberação dos recursos. 

 O plano prevê a implantação de 120 quilômetros de ciclovias que pretendem interligar  todas as regiões de Campo Grande. No plano de vias especiais para o trânsito de bicicletas, a expansão deve ter início na avenida Ernesto Geisel e, segundo a administração municipal, priorizará a integração das ciclovias com o sistema de transporte da Capital, como os terminais de transbordo.

 Os projetos defendidos hoje por Trad Filho junto ao ministro das Cidades incluem, também, a implantação de pontes e passarelas sobre o Rio Anhanduí, no decorrer da avenida Ernesto Geisel. Ainda não é possível determinar quantos pontilhões serão instalados na avenida, pois depende dos valores liberados.

 Nesse caso, o município quer priorizar a integração da Norte-Sul com o complexo Bandeira, que circunda a área da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e, também, pretende absorver o tráfego gerado com a inauguração do Shopping Norte-Sul (na área do antigo Mercado do Produtor).

 A prefeitura também conseguiu a pré-aprovação de um projeto de pavimentação e drenagem em um novo acesso às Moreninhas e a construção de um parque linear no prolongamento da avenida Guaicurus, cujo valor inicial é de R$ 54.665.475,90. Ambas as propostas integravam o pacote de projetos de adequação urbana para a Copa de 2014 e são consideradas exequíveis, apesar da Capital não ter sido escolhida.

 A reunião do prefeito com o ministro das Cidades está prevista para depois da solenidade de anúncio da seleção de projetos do programa Sanear para Todos, a qual Trad Filho acompanha junto com o governador André Puccinelli e o deputado federal Antonio Cruz.

Banner Whatsapp Desktop
ALMS
PMCG