01 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
PMCG
GERAL

Projeto Histórias por Telefone faz homenagem aos pais

Está tendo um retorno bem legal por parte deles, por conta do momento que ainda é de contração de atividades”, contou Gerolimich

7 agosto 2020 - 13h11
Projeto Histórias por Telefone
Projeto Histórias por Telefone - (Foto: Divulgação)
O FLOR DA MATA - NOTICIAS

O Projeto Histórias por Telefone, criado em março deste ano pela Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (Sececrj), no início da pandemia do novo coronavírus, decidiu fazer uma homenagem especial no Dia dos Pais, que se comemora no próximo domingo (9). Para isso, foram selecionados alguns pais no cadastro de ouvintes do projeto, para os quais se preparou uma seleção de poesias, disse hoje (7) à Agência Brasil o superintendente de Leitura e Conhecimento da Sececrj, Pedro Gerolimich.

“Está bem legal, porque eles estão se sentindo felizes, lembrados. Muitos são idosos. Está tendo um retorno bem legal por parte deles, por conta do momento que ainda é de contração de atividades”, contou Gerolimich. Segundo o superintendente, boa parte do público idoso se mostra preocupada porque muitos serviços estão abrindo de uma forma que considera “atabalhoada e perigosa”, e esses idosos permanecem em casa e se sentem sozinhos.

“Por isso, a gente quis fazer esse gesto de carinho, porque o projeto é muito baseado no afeto. A gente entende que o afeto é também uma questão de políticas porque nós estamos tratando de pessoas, não de números. Então, é importante fazer esse gesto de carinho em um momento difícil e em uma data festiva em que muitas pessoas estão passando por perdas familiares e de amigos”, avaliou o superintendente. Completou que, em um momento como esse de muitas mortes pela covid-19 e de tristeza, “a gente acha que um pouco de afeto, de carinho, ajuda”.

 

Inscrições

O Projeto Histórias por Telefone já recebeu, desde março, mais de 7.901 inscrições, sendo 6.175 ouvintes e 1.726 voluntários. O projeto é voltado principalmente para os idosos, grupo de risco da pandemia. A secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, Danielle Barros, salientou que o Histórias por Telefone é muito importante nesse período de pandemia, porque leva sempre uma palavra para quem está precisando. “Homenagear o Dia dos Pais vai ser mais um capítulo do projeto que merece parabéns”, concluiu Danielle.

O Histórias por Telefone continua em busca de mais voluntários e ouvintes. Para participar do projeto, a pessoa deve fazer a inscrição e informar alguns dados pessoais. O mesmo vale para quem quer ser voluntário.

Banner Whatsapp Desktop