24 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Administração Municipal

Prefeitura inaugura vias de acesso interno no assentamento Sucuri

30 julho 2009 - 15h18
Denilson Secreta
Fort  Atacadista - 21 ANOS

  , para as famílias assentadas. As vias foram construídas para permitir a comunicação entre os lotes do assentamento, ocupado por famílias de pequenos agricultores.

   As casas do local estão em fase de construção para, em seguida, o assentamento receber as redes de energia elétrica e de água. De acordo com o Superintendente de Agronegócios da Sedesc (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, de Ciência e Tecnologia e do Agronegócio), Orany Rocha, o investimento inicial no Sucuri é de cerca de 220 mil reais. “Foram liberados 128 mil reais para a construção das estradas e cem mil reais para o projeto Paes (Produção Agro ecológica Integrada e Sustentável)”, informa.

  O projeto Paes é uma parceria da prefeitura com o Sebrae e a Fundação Banco do Brasil, que prevê o plantio de hortas orgânicas irrigadas. O assentamento Sucuri possui atualmente vinte hortas orgânicas.

   Segundo o vice-prefeito Edil Albuquerque “o projeto Paes é muito interessante, queremos que os assentados produzam, e que tenham resultados o fruto desse trabalho”, afirmou. Durante a solenidade de entrega da obra Edil reforçou a preocupação da administração municipal com os assentados da região. “O prefeito Nelsinho tem um compromisso, que envolve atenção e responsabilidade, com vocês”, enfatizou.

Fertilidade da terra

   O assentamento Sucuri está numa área de 577 hectares que abriga cem famílias. A principal atividade econômica dos assentados é a agricultura, em especial a horticultura. “O assentamento está localizado próximo à Capital, além de possuir terra fértil, própria para a agricultura”, avalia Fernando Bezerra, Co-fundador da Associação Sucuri de Agricultura Familiar.

   Para Fernando a abertura de estradas internas no assentamento trará muitas vantagens. “Teremos mais qualidade de vida com o acesso aos lotes, vamos aumentar o convívio humano e social e poderemos escoar a produção ”, assegura.

   A opinião é compartilhada por outros assentados. “Quando chovia não conseguíamos atravessar o assentamento Sucuri, tô achando ótimas as estradas”, disse Felicidade Barbosa. “Aqui não podia nem chover que a gente não andava”, lembra Isabel Sandin.

   O projeto da prefeitura para os assentados inclui ainda uma escola de tempo integral na região do Aguão, e atendimento médico para as famílias que moram nos assentamentos Conquista e Sucuri.

Banner Whatsapp Desktop
Annelies
PMCG