30 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
OUTUBRO ROSA

Outubro Rosa: autocuidado é manter a saúde em dia

Mastologista e beneficiária da Unimed CG contam sobre a importância de manter-se atenta à saúde

1 outubro 2020 - 17h39Assessoria de Comunicação
Outubro Rosa, um movimento internacional de conscientização para o controle do câncer de mama
Outubro Rosa, um movimento internacional de conscientização para o controle do câncer de mama - (Foto: Unimed)
Fort  Atacadista - 21 ANOS

Que manter a saúde em dia é importante e necessário já sabemos, mas o mês de outubro chegou para reforçar ainda mais a necessidade de falar sobre o autocuidado feminino, afinal, é Outubro Rosa, um movimento internacional de conscientização para o controle do câncer de mama.  

A mastologista, e cooperada da Unimed Campo Grande, Dra. Marilana Geimba de Lima conta que os principais sinais e sintomas da doença são: nódulo, secreções de mama (vermelhas e transparentes) e coceira (principalmente quando fica de forma duradoura ocasionando a descamação do mamilo e aréola).   

A médica também alerta que não há uma causa específica para o câncer de mama, e sim mais de uma causa para a doença, os chamados fatores de risco, como: genética, histórico familiar, não ter tido filhos, não ter amamentado, primeira menstruação precoce, primeira menstruação tardia, entre outros.  Dra. Marilana ainda informa que homens também devem se cuidar, pois o câncer de mama também acomete o público masculino.  

Além disso, de acordo com Dra. Marilana, “evitar o câncer propriamente dito não conseguimos, o que conseguimos é fazer o diagnóstico de forma mais precoce possível”. 

“Sempre recomendamos que as mulheres se avaliem e se examinem, e caso percebam algo de diferente procurem um médico imediatamente, mas se não encontrar algum tipo de lesão na mama que possa ser detectável pelas mãos, não quer dizer que não tenha um câncer não palpável. Por isso é de extrema importância realizar consultas com seu médico periodicamente (no mínimo uma vez ao ano), para que os métodos eficazes de prevenção possam ser solicitados”, informa.  

E por falar em consultas periódicas, a beneficiária da Unimed CG, Tiane Saab, relata que a ida regular ao médico a fez levar um susto, mas foi o que fez a diferença. “Sempre faço minhas consultas e exames regularmente, e em 2014, ao ir médico, descobrimos por meio de exames que eu tinha um nódulo no seio. Fiz mais exames e após a cirurgia descobrimos, graças a Deus, que era um nódulo benigno”.   

 “Por isso tem que ir às consultas e fazer os exames certinhos, para ver se está tudo certo. Eu levei um susto na época, mas foi o fato de sempre ter esse cuidado com minha saúde que nos fez descobrir esse nódulo”, completa Tiane.   

  Sabemos que falar da saúde feminina é muito importante, e para a enfermeira do Plano Unimed Personal da Unimed CG, Jéssica Araújo Braga Amoras, que dedica seus dias aos cuidados das mulheres, o Outubro Rosa “é uma data necessária, que nos faz pensar no cuidado com nós mesmas e com nossas pacientes. Este período só reafirma a importância de realizarmos o autocuidado e nos prevenir”.  

Sem contar que o assunto ganha mais notoriedade por um motivo especial. “Tive uma experiência com uma colega de turma que foi diagnosticada com câncer de mama e, infelizmente, ela faleceu. Naquele período visualizamos todo o processo que ela passou, e ter vivido aquilo, ter visto a força dela para enfrentar tudo, foi um dos grandes pontapés para seguir hoje a área dos cuidados com as mulheres”, finaliza a enfermeira.   

 

Banner Whatsapp Desktop
PMCG
TCE - Devolução Auxílio Emergencial