20 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
al outubro2
Legislativo Municipal

OUÇA: Vereadores aprovam lei que proíbe bagunça e venda de bebida alcoólica

23 novembro 2011 - 12h48
Dos 21 vereadores somente Saraiva votou contra a aprovação da proibição de venda de bebidas
Dos 21 vereadores somente Saraiva votou contra a aprovação da proibição de venda de bebidas - Divulgação
Fort  Atacadista - 21 ANOS

A capital já conta com dispositivo no Código de Policia Administrativa que proibe  o consumo de bebidas alcoólicas em aglomerações que provoquem tumulto nas vias públicas da cidade.

A Câmara fez audiência pública para discutir o polêmico tema na última sexta feira (18). Entre os que reclamaram da bagunça estão os vizinhos de conveniências, que fizeram relatos emocionados, dizendo que precisam dormir, e profissionais da Saúde, acreditando que o projeto vai  contribuir para a redução dos acidentes e, consequentemente, para diminuir a superlotação nos hospitais.

O projeto prevê multa que varia de R$ 200 a R$ 1000 para as pessoas que fizerem bagunça nas ruas. Além da multa, quem desrespeitar a lei pode receber advertência e prestar serviços a comunidade. Já o empresário que permitir o consumo de bebidas nos postos de combustíveis e conveniências  pode receber multa que varia de R$ 300 a R$ 1,5 mil, bem como receber advertência, suspensão do funcionamento por 30 dias e até a cassação do alvará.

O vereador, Airton Saraiva do partido doe Democratas é contra a nova lei e explica que ja existe a lei do silencio que ainda nao resolve os reclames da comunidade e por falta de fiscalização. Confiante na aficácia da medida , um dos autores do projeto o vereador Paulo Siuf(PMDB) não acredita que a medida dará de nada a coisa alguma, por falta de fiscalização.

Ouça os depoimentos dos vereadores Airton Saravia e Paulo Siufi pela Rádio Transamérica Hits Campo Grande - FM 99,1..
 

Banner Whatsapp Desktop
PMCG
AL MS