02 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Solidariedade

Ong Abrigo dos Bichos pretende aumentar atendimentos em 2014

12 janeiro 2014 - 16h28
Arquivo

Com uma dívida em torno de R$ 15 mil, adquirida com tratamento de animais de estimação resgatados das ruas ou ainda serviços disponibilizados àqueles que pertencem às famílias carentes, a Sociedade de Proteção e Bem-Estar Animal ‘Abrigo dos Bichos’ espera promover a ampliação do atendimento este ano.
 
A presidente da Ong, Maíra Peixoto destaca que a entidade não tem sede própria, mas consegue por meio de voluntários e clínicas parcerias que aplicam tabela com menor valor nos procedimentos, desenvolver um trabalho de resgate, tratamento e disponibilização de adoção de animais muito importante em Campo Grande.
 
Mesmo com dificuldades, a Ong pretende cada vez mais ampliar o atendimento. Uma das possibilidades para que isto aconteça é que agora a entidade foi declarada de Utilidade Pública Municipal, por meio de um projeto que se transformou em lei e foi sancionada pelo Executivo.
 
Com a titularidade de Utilidade Pública é possível, por exemplo, que a Ong faça convênios com o município.
 
Maíra Peixoto explica que, normalmente, quando um animal sofre abandono é por questões de doença ou quantidade. Gatas, por exemplo, parem ninhadas e às vezes o dono sem condições de criar abandona as crias nas ruas. Os cães são mais rejeitados por doenças.
 
A presidente da Ong diz que quando um animal é resgatado é levado a uma clínica veterinária parceria porque o Abrigo dos Bichos não tem uma sede. Lá, com tabela social remetida ao Abrigo, ele recebe além de banho e tosa, tratamento e se precisar também cirurgias e medicamentos. Depois é encaminhado para um lar temporário voluntário e depois são promovidas feiras de adoção.
 
‘Muitas vezes o animal recebe alta da clínica e não tem para onde ir. Então ele fica como hóspede no hotelzinho. Isto nos custa diárias. Como temos compromisso com o que fazemos, assumimos a dívida e depois nos viramos pra quitar, por meio de doações, campanhas e eventos que promovemos’, diz Maíra.
 
O vereador Eduardo Romero (PT do B), autor do projeto de Utilidade Pública Municipal para o Abrigo dos Bichos - em conjunto com o vereador Engenheiro Edson (PTB) - destaca que um dos compromissos assumidos durante sua campanha e que se transformou em uma das diretrizes do mandato é o bem estar animal.
 
O parlamentar revela que muitas pessoas questionam o trabalho das Ong´s que recolhem e tratam animais de rua, mas ele lembra que este é um atendimento de saúde pública que beneficia inclusive àqueles que não tem animais.
 
‘Quando a pessoa abandona um animal, além de cometer crime, está possibilitando que ele fique doente. Se já estiver doente pode contaminar outros animais, crianças nas ruas, adultos. Resultado: mais gastos com saúde pública. Então não podemos agir só como pessoas que gostam ou não de animais, mas como cidadãos que pensam a cidade como um todo’, defende o vereador.
 
Quem quiser saber mais sobre o trabalho da Ong pode acessar: www.abrigodosbichos.com.br.

Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE