27 de fevereiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Cinema

Morre produtor Saul Zaentz, que ganhou três vezes o Oscar de melhor filme

4 janeiro 2014 - 14h45
Em 1976, os vencedores do Oscar (da esq. para dir.) Michael Douglas, Milos Forman, Louise Fletcher,
Em 1976, os vencedores do Oscar (da esq. para dir.) Michael Douglas, Milos Forman, Louise Fletcher, - Folha de S. Paulo
O célebre produtor de Hollywood Saul Zaentz, vencedor do Oscar de melhor filme por três vezes (com "Um Estranho no Ninho", "Amadeus" e "O Paciente Inglês"), morreu aos 92 anos em San Francisco, na Califórnia, na sexta-feira (3), devido a complicações do Mal de Alzheimer.
 
Antes de trabalhar com cinema, Zaentz foi executivo de uma gravadora, a Fantasy Records, onde ajudou a lançar a carreira do grupo de rock Creedence Clearwater Revival, na década de 1960. Anos mais tarde, travou batalhas judiciais contra o líder do grupo, John Fogerty, por direitos autorais sobre músicas.
 
Após abandonar a indústria fonográfica, consagrou-se como produtor de cinema, ganhando o Oscar de melhor filme por duas colaborações com o diretor tcheco Milos Forman —"Um Estranho no Ninho" (1975) e "Amadeus" (1984).
 
Voltou a vencer o prêmio em 1996, com "O Paciente Inglês", de Anthony Minghella.
 
Um ano depois, foi homenageado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood com o prêmio Irving G. Thalberg, por sua "consistente produção de alta qualidade".
 
Ele também foi responsável por "A Insustentável Leveza do Ser", de 1988, adaptação de Philip Kaufman para o famoso livro de Milan Kundera. O filme acabou sendo indicado a diversos Oscar.
 
Seus créditos incluem ainda uma versão animada para "O Senhor dos Anéis", em 1978, e "A Costa do Mosquito" (1986), de Peter Weir.
 
Seu último trabalho foi "Sombras de Goya", em 2006, com Javier Bardem no papel do famoso pintor romântico espanhol — novamente, uma parceria com o cineasta Milos Forman.
 
Em sua juventude, Zaentz serviu o Exército americano na Segunda Guerra Mundial (1939-1945).
 
Ele deixa quatro filhos e sete netos.
Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE
TJ MS