01 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Obras

Montagem das estruturas do Aquário do Pantanal exige tecnologia e logística

11 janeiro 2014 - 09h50
Denilson Secreta
As estruturas metálicas, de zinco de titânio e de acrílico, que darão forma ao Aquário do Pantanal e a seus 25 tanques com 262 espécies de peixes nativos do bioma estão sendo importadas pelo Governo do Estado, e a vinda desse material até Campo Grande exigirá uma logística especial de transporte por rodovia, com apoio de batedores e da Polícia Rodoviária Federal.
 
As primeiras placas de acrílico que serão instaladas na divisão do pavilhão central e o auditório, produzidas com tecnologia de ponta no Colorado (Estados Unidos), chegaram às 10h desta sexta-feira no canteiro das obras, no Parque das Nações Indígenas. Duas carretas transportaram as estruturas de 11 toneladas cada uma do Porto de Santos até a Capital, rodando 1.200 quilômetros em 37 dias.
 
“É um deslocamento muito delicado, que envolve questões de segurança dos equipamentos e também de circulação em rodovias de grande trânsito”, explicou Carlos Vinha, responsável pela empresa transportadora, a Baruc, de São Paulo. Ele estimou que até abril será concluído o transporte das demais placas, as quais já se encontram em Santos, prevendo cinco viagens.
 
Tecnologia
 
A última placa de acrílico - a cúpula do Aquário -, medindo oito metros de diâmetro, terá um planejamento logístico diferenciado devido ao seu tamanho. O trajeto de transporte também será alterado, usando rodovias de São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul, onde o equipamento entrará pelo município de Paranaíba, seguindo até Costa Rica e Campo Grande pela BR-262.
 
O secretário estadual de Obras, Edson Giroto, explicou que o governo optou pela aquisição das placas nos Estados Unidos pela segurança tecnológica garantida pelo país. O mesmo critério na contratação dos equipamentos foi usado na importação das estruturas metálica e de zinco de titânio, que serão usadas na cobertura do complexo arquitetônico e foram importadas da Espanha e da Holanda.
 
 
Cobertura
 
Giroto explicou que os projetistas optaram pelo acrílico em substituição vidro, na montagem dos aquários, por eliminar o reflexo do flash das máquinas fotográficas. As placas medem 9,15 metros de largura por 6,10 metros de altura, pesando cada uma 11 toneladas. A espessura do acrílico é de 32 centímetros para um aquário com capacidade de armazenamento de pelo menos 33 mil litros de água.
 
Parte da estrutura metálica, que pesa 225 toneladas, já chegou a Campo Grande e começa agora o transporte da segunda e última etapa, desde o Porto de Santos. O equipamento cobrirá uma área de 1.809 metros quadrados e estará montado ainda neste trimestre do ano, segundo os engenheiros da obra. Também estão previstas a execução da cobertura de zinco de titânio e o revestimento de madeira.
 
Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE