22 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Governo Dilma

Ministra diz que sua saída da Cultura não passa de especulação

26 novembro 2011 - 12h39
Reprodução
Fort  Atacadista - 21 ANOS

A ministra da Cultura, Ana de Hollanda, disse hoje (26), em Bruxelas, que não passam de especulações as informações sobre sua saída da pasta na reforma ministerial que a presidenta Dilma Rousseff deve fazer no início do próximo ano. Segundo Ana de Hollanda, até agora, não houve sinais de desinteresse da presidenta em seu trabalho. "O que se fala por aí não é o que está se falando comigo", disse a ministra.

"Então eu não vou ficar preocupada com tudo está saindo por aí, aliás eu nunca me preocupei com esse tipo de comentário", completou.

A ministra vem sendo alvo de críticas em relação à indicação do livro Leite Derramado, de autoria do seu irmão, Chico Buarque de Hollanda, para receber subsídio para tradução. Esse episódio fez com que a ministra chegasse a consultar a Comissão de Ética da Presidência da República sobre o tema e decidisse suspender os incentivos temporariamente.

Ana de Hollanda disse que o compromisso que firmou com a presidenta Dilma ao assumir o cargo está mantido e que as informações de que haverá uma reforma ministerial não vem do Palácio do Planalto.
 

Banner Whatsapp Desktop
PMCG
ALMS