30 de novembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
SESI - Campanha Protocolo de Atendimento
Cidade

Marisa defende revitalização do centro de Campo Grande

Marisa: valorizar o centro não significa “deixar de lado os bairros e subverter as prioridades atuai
Marisa: valorizar o centro não significa “deixar de lado os bairros e subverter as prioridades atuai - Divulgação
Fort Atacadista Natal

Senadora comemora os 109 anos da Capital, elogiando prefeito e propondo debate sobre integração entre centro e bairros.

Aproveitando a data comemorativa dos 109° aniversário de Campo Grande (que acontecerá na próxima terça-feira, dia 26), a senadora Marisa Serrano afirmou que a cidade nas últimas décadas, graças a várias gestões bem sucedidas, conseguiu reverter inúmeros indicadores sociais negativos, dotando os bairros e as regiões de entorno da área central com infra-estrutura adequada para garantir uma excelente qualidade de vida para os campo-grandenses.

“Tivemos a sorte e a felicidade de eleger sucessivamente vários prefeitos com visão de futuro e hoje estamos desfrutando dessa base criada por eles”, comentou a senadora, lem brando os passos importantes dados por Lúdio Coelho, Juvêncio César da Fonseca, André Puccinelli e Nelsinho Trad nas últimas três décadas, com administrações “continuadas e inteligentes”.

Segundo Marisa, Campo Grande teve um processo de expansão urbana “atípica” ao longo de sua história, na medida em que queimou etapas no decorrer de seu processo de crescimento, criando muitos espaços vazios em regiões intermediárias entre o centro e a periferia mais distante.

“Diante dessa realidade, nos últimos anos, com a urbanização intensa, a cidade voltou-se mais para fora do que para dentro, e, com isso, o centro da cidade permaneceu estático, sem projetos urbanísticos de peso”, comentou a senadora

Para ela, não seria possível ser de outra forma, enfatizando que o prefeito Nelsinho Trad “foi sábio em fazer uma administração priorizando os setores mais necessitados da cidade”, visto que não “é possível fazer tudo a um só tempo”. Segundo a senadora, “Nelsinho está fazendo uma gestão correta e dinâmica porque está sabendo compatibilizar as demandas urbanas da cidade com os interesses sociais de todos os cidadãos”.

Neste sentido, Marisa comenta que o prefeito tem consciência de que os próximos anos será preciso “fazer uma reforma geral no centro da cidade” porque “há um crescente sentimento em debater a revitalização dos pontos centrais da Capital”. Segundo ela, “recentemente estive com o Nelsinho no lançamento de um importante empreendimento que vem sendo realizado na área central e percebemos na população o desejo de se colocar na revitalização da área central um ponto importante de discussão para a melhoria da cidade nos próximos anos”.

Neste aspecto, Marisa sugere que o Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano organize grupos de trabalho para realizar projetos urbanísticos e arquitetônicos abrangendo o núcleo central da cidade, resgatando e valorizando o patrimônio histórico, implantando fiação subterrânea, criando pontos de lazer e cultura para a população, “num processo que dê organicidade à cidade como um todo”.

De acordo com a senadora, “sabemos que este assunto vem sendo debatido há muito tempo por especialistas da área, mas acho que é importante abrir a discussão para vários outros segmentos da população, principalmente neste momento em que o processo eleitoral forçosamente abre um debate sobre o futuro da cidade”, explica.

Para ela, valorizar o centro não significa “deixar de lado os bairros e subverter as prioridades atuais. Ao contrário, diz: “significa promover maior integração entre a periferia e o centro”, permitindo a criação de um maior sentimento de cidadania e identidade cultural, finaliza.

Banner Whatsapp Desktop
Departamento de Operações de Fronteira - Disque Denúncia