03 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
governo do estado

Governo termina 2020 entregando, somente nos últimos meses, R$190 milhões em infraestrutura

o Governo do Estado fecha o ano de 2020 entregando, nos últimos quatro meses, obras bastante aguardadas pela população

22 dezembro 2020 - 08h00
Somente na pavimentação asfáltica, o Governo do Estado entregou à população a soma de mais de R$ 177 milhões em recursos
Somente na pavimentação asfáltica, o Governo do Estado entregou à população a soma de mais de R$ 177 milhões em recursos - (Fotos: Divulgação/Agesul)

Além de finalizar essa semana o acesso à região portuária de Porto Murtinho - uma obra que recebeu R$ 25 milhões em investimento-, o Governo do Estado fecha o ano de 2020 entregando, nos últimos quatro meses, obras bastante aguardadas pela população, como pavimentação asfáltica de rodovias e conclusão de 12 pontes de concreto. Se somadas, apenas essas entregas recentes em infraestrutura superam o valor de R$ 190 milhões.

Somente na pavimentação asfáltica, o Governo do Estado, por meio da Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), entregou à população a soma de mais de R$ 177 milhões em recursos. Entre setembro e dezembro, foram concluídos trechos de asfaltamento de quatro rodovias, além de outros empreendimentos:

  • MS-258, em Sidrolândia – Capão Seco (27,8 km de extensão);
  • MS-223, entre Figueirão e Costa (32,5 km de extensão) e no sentido oposto, entre Costa Rica e Figueirão (28 km de extensão);
  • MS-244, entre Jaraquari (10 km de extensão);
  • Acesso à Usina de Fátima do Sul (2,7 km de extensão);
  • MS-382, em Bonito (7,7 km de extensão);
  • Acesso ao Distrito Portuário, em Porto Murtinho (7,1 km de extensão).

Pavimentação da MS- 258, em Sidrolândia, Capão Seco. Foto: Saul Schramm

Ainda foram finalizadas, especialmente no último trimestre do ano, 12 pontes de concreto espalhadas por todas as regiões de Mato Grosso do Sul. Entre as entregas estão as travessias sobre o córrego Roncador, em Pedro Gomes, Cascavel, em Costa Rica, e sobre o Rio Aquidauana, na MS-340, entre Bandeirantes e Corguinho. Oferecendo mais segurança aos motoristas, foram investidos aproximadamente R$ 17,7 milhões para a conclusão dessas pontes:

  • Ponte sobre o Rio Samambaia, em Batayporã;
  • Ponte sobre Rio Barreiro, em Paranaíba;
  • Ponte sobre Córrego Roncador, em Pedro Gomes;
  • Ponte sobre o Rio Ribeirão dos Bois, em Água Clara;
  • Ponte sobre o Rio Cumandaí, em Naviraí;
  • Ponte sobre o Rio Negro, em Rio Negro,
  • Ponte sobre a Vazante II do Rio Branco, em Porto Murtinho;
  • Ponte sobre o Córrego Cascavel; em Costa Rica;
  • Ponte sobre o Rio Negrinho, em Rio Negro;
  • Ponte sobre o Córrego Mimoso, em Paraíso das Águas;
  • Ponte sobre o Córrego Figueira, em rodovia vicinal- Coxim;
  • Ponte sobre o Rio Aquidauana, entre Bandeirantes e Corguinho.

Ponte de concreto sobre Rio Cumandaí, em Naviraí.

Muitas dessas obras concluídas foram reivindicadas no Programa Governo Presente, lançado em março de 2020, que mapeou as principais demandas municipais nas áreas de saúde, educação, segurança e, em especial, infraestrutura. O pacote de obras beneficiou os 79 municípios.

Algumas das obras:

  • MS-382

O Governo do Estado pavimentou  7,88 km de extensão, na MS-382,  entre o centro urbano de Bonito e a entrada para as grutas Lago Azul e São Miguel, dois dos principais atrativos turísticos da região. Antes o acesso era feito pela estrada de chão. Agora turistas do Brasil e do mundo poderão trafegar com mais segurança.

O serviço foi paralisado em 2019, com a desistência da firma contratada, e nova licitação foi feita. A conclusão do pavimento foi executada ao custo de R$ 6 milhões.

  • MS-223

Na rodovia MS-223 a chegada da infraestrutura abriu uma nova fronteira agropecuária, com a introdução de lavouras de grãos associadas à pecuária e cana-de-açúcar. Para o secretário estadual de Infraestrutura em exercício, Luis Roberto Martins de Araújo, a pavimentação dessa rodovia foi uma obra estratégica do ponto de vista da logística.

“Com certeza, essa pavimentação está alavancando o escoamento da produção da região, gerando desenvolvimento, mais empregos”, pontuou.  “Além de fomentar a economia de vários municípios, o asfalto reduzirá distâncias e tempo, incidindo no barateamento do frete e custo de produção”, completou.

  • MS-244

A pavimentação de 10 km da MS-244 era uma obra aguardada há quatro décadas em Jaraguari. A estrada interliga as pequenas comunidades cercadas por fazendas de soja e boi.  O investimento beneficiou os povoados de Jaraguari Velho e Bonfim, com sitiantes que tinham dificuldades de escoar a produção. 

Contorno rodoviário facilita acesso ao portos em Porto Murtinho.

  • Distrito Portuário

A implantação do contorno rodoviário de Porto Murtinho mudou completamente o perfil urbano da cidade fronteiriça, além de ser uma obra vital para dar suporte aos empreendimentos de transporte rodoviário e hidroviário que estão se instalando na região. A pavimentação de 7,19 km paralelamente ao dique de prevenção às cheias interliga a BR-267 aos portos, tirando o tráfego pesado da área central.

Construído com recursos (R$ 25,2 milhões) do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento Rodoviário de MS), a implantação do contorno rodoviário foi concluída após dez meses de serviço executado pela empresa Bandeirantes. 

 

 

Banner Whatsapp Desktop

Deixe seu Comentário

Veja Também

Mais Lidas

Banner TCE