26 de fevereiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
IPVA 2021
Investimento

Governador e bancada federal solicitam inclusão de ferrovias e rodovias no PAC

Com a sinalização positiva da ministra, Puccinelli afirmou que Mato Grosso do Sul está unido – com s
Com a sinalização positiva da ministra, Puccinelli afirmou que Mato Grosso do Sul está unido – com s - Reprodução
De acordo com a ministra, a União tem a disposição de executar obras de infraestrutura consideradas essenciais para o país, sendo que as duas estradas de ferro são prioridades, tanto que já integram o PIL (Programa de Infraestrutura Logística) e serão viabilizadas no próximo ano. Entretanto, as obras da BR-419 e da Sul-Fronteira Integração ainda não estão definidas porque dependem de ajustes que estão sendo feitos pelo Governo federal, que resultou no contingenciamento de R$ 44 bilhões no orçamento deste ano.
 
“Estamos juntando todo o material apresentados pelas bancadas federais, vendo a integração que tem com as outras obras do PAC”, destacou a ministra. 
 
Na avaliação do governador, pavimentação da BR-419, que liga os municípios de Aquidauana a Rio Verde de Mato Grosso, e a construção da rodovia Sul Fronteira-Integração dependem de apresentação de procedimentos administrativos, especificamente notas técnicas do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes).
 
“Os projetos já estão feitos, pagos pelo governo do Estado a pedido do Governo federal. Só falta a nota técnica do DNIT ser enviada para que haja decisão política do Governo federal.
 
A bancada unida ao governo do Estado mostrou a importância que caberá ao Governo federal da decisão política para a inclusão destas duas rodovias para a integração de Mato Grosso do Sul”, enfatizou Puccinelli. 
 
Pelos projetos elaborados terão de ser investidos cerca de R$ 300 milhões na construção e pavimentação de 224 quilômetros da Sul-Fronteira, e R$ 380 milhões na BR-419, ligando Rio Verde de Mato Grosso, Rio Negro, Aquidauana e Anastácio, explicou o secretário de Estado de Obras Públicas e Transportes, Edson Giroto, que enfatizou que a Sul-Fronteira é de interesse binacional, além de servir para melhorar o combate ao contrabando, tráfico e outros atos ilícitos na região de fronteira. 
 
Com a sinalização positiva da ministra, Puccinelli afirmou que Mato Grosso do Sul está unido – com sua bancada, junto com o governador e seus técnicos – em torno da defesa da importância das duas ferrovias, da BR-419 e da Sul-Fronteira Integração.
 
“União da bancada, projetos comuns, de interesse do Estado, atenção redobrada da ministra Miriam Belchior, e ela sabendo que nós já fizemos a lição com os projetos executivos prontos, licenciamentos prontos e nos dispondo a dar contrapartida em rodovias federais, com certeza, a junção destes esforços terá de ser recompensados”, afirmou.
No encontro, Miriam Belchior enfatizou a unicidades e organização da bancada:
 
“É bom receber bancada com pauta única, cada um precisa olhar o seu pedaço, mas tem uma visão do todo”, afirmou, perante o governador André Puccinelli, os três senadores - Waldemir Moka, Ruben Figueiró e Delcídio Amaral, e os deputados federais Fábio Trad, Geraldo Resende, Vander Loubet, Antonio Carlos Biffi e Reinaldo Azambuja.
 
Banner Whatsapp Desktop

Deixe seu Comentário

Veja Também

Mais Lidas

Banner TCE
TJ MS