27 de fevereiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Regional

Fazenda São Mateus sediará em abril a 5ª edição do Dia de Campo

12 março 2014 - 09h11
Divulgação

O município de Selvíria recebe no dia 4 de abril, o 5º Dia de Campo ILPF - Integração Lavoura, Pecuária e Floresta, que acontece na fazenda São Mateus, na BR 158. Os organizadores do evento informaram que está quase tudo pronto. O objetivo do encontro é levar informações e mostrar os sistemas de integração de produção e as alternativas viáveis que melhoram a agricultura e a pecuária com eficiência econômica e ambiental.

O evento teve início no ano de 2009 e segundo o responsável pelo Dia de Campo, Mateus Arantes, a iniciativa recebe destaque por ser produtiva. "Conseguimos trazer tecnologia e modificar o sistema de produção da região. A melhora da renda do produtor depende muito da tecnologia que ele utiliza e as formas mais viáveis de manejo de pasto”, ressalta.

Arantes afirma também que muitas fazendas, após participarem do Dia de Campo, vem aprimorando suas técnicas e obtendo ótimos resultados.“Muitas ações surgiram em decorrência do nosso evento. Paranaíba é um exemplo disso. Hoje a cidade tem um polo de pesquisa junto com a Fundação Chapadão”, conclui.

Para o presidente do Sindicato Rural de Três Lagoas, Pascoal Secco, “sempre apoiamos esse evento, pois a missão do Sindicato é junto com parceiros, promover ações que irão beneficiar todos que trabalham com as diversas atividades da integração lavoura, pecuária e floresta. Nesse Dia de Campo, os participantes terão oportunidade de constatar essa realidade e tirar as dúvidas com especialistas de diversas áreas”, finaliza Pascoal.

Pesquisa

A Fazenda São Mateus é um exemplo para as demais devido investir em pesquisa. Mateus Arantes reforça que todos que trabalham com o campo devem ver suas propriedades como empresas e investir. “O produtor tem que tirar uma parte da renda para a pesquisa”, reforça.

Mateus finaliza dando uma dica e dizendo que sustentabilidade também é um fator de grande importância e que ajuda em todos os processos. “Se não deu lucro e não é sustentável, algo está errado. A economia é o tripé da sustentabilidade”, finaliza.

Programação

7h30 – Recepção – Café da manhã

08h00 – Estação 1 – Abertura

09h00 – Estação 2 – Sistema São Mateus, dificuldades superadas e resultados obtidos/colheita de lavoura de soja (Mateus Arantes)

10h00 – Estação 3 – Visita dirigida aos talhões com sistemas de produção (Pesquisadores da Embrapa Agropecuária Oeste e Embrapa Gado de Corte)

12h00 – Estação 14 – Almoço

Banner Whatsapp Desktop
TJ MS
Banner TCE