06 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Saúde

Família realiza sonho com ativação do Instituto de Prevenção Antônio Morais dos Santos

Estrutura do hospital está localizada na região do bairro Aero Rancho; atendimentos serão gratuitos
Estrutura do hospital está localizada na região do bairro Aero Rancho; atendimentos serão gratuitos - Reprodução
Cassems
“Hoje é um dia festivo.
 
Um sonho se torna realidade”, declarou a filha Janete Morais durante coletiva à imprensa para declarar ativado o Instituto de Prevenção Antônio Morais dos Santos, unidade filiada ao Hospital de Câncer de Barretos, que foi construído com doações de Morais dos Santos.
 
Presentes na coletiva que aconteceu no auditório do instituto, localizado no Bairro Aero Rancho, em Campo Grande, estavam também o secretário municipal de Saúde, Ivandro Fonseca, a coordenadora do Conselho Municipal de Saúde, Giane França Amaral, e também o médico Raphael Júnior.
 
Logo no começo, antes de “dar a largada à perguntas dos jornalistas”, Janete refletiu sobre os ensinamentos repassados pelo pai, os quais são usufruídos por sua família.
 
“Infelizmente Antônio faleceu aos 91 anos, e não conseguiu ver o sonho se realizar. Não fiquem somente nas disputas, no diz-que-diz-que... coloquem-se no lugar da população para lutar por uma Campo Grande melhor.”
 
Já funciona?
 
Nesta manhã, a primeira paciente foi atendida por volta das 11 horas. Assim segue no primeiro mês, com a lista de 500 mulheres já cadastradas. Os agendamentos deverão ser feitos por meio das unidades de saúde espalhadas pela cidade, e conforme Fonseca, “os agendamentos não devem passar de dois meses”.
 
No dia 26 de março, deve estar fechado - ainda segundo o secretário de Saúde de Campo Grande - o convênio com o Sistema Único de Saúde . Janete completou dizendo que sua família transferirá, durante um ano, a quantia de R$ 150 mil ao Hospital de Câncer de Barretos, que gerenciará a unidade.
 
A maior parceria do instituto é a Prefeitura de Campo Grande, que cuidará de vários processos burocráticos (como a conquista do convênio com o SUS).
 
As mulheres que serão atendidas devem ter a faixa etária entre 40 e 69 anos, e os exames oferecidos, por enquanto, são de mama e de colo de útero. “Futuramente de pele também”, informou Júnior.
 
Importância da prevenção:
 
De acordo com Fonseca a prevenção da doença é o melhor caminho a ser seguido. “Cada R$ 10 gastos nos exames preventivos, economiza-se R$ 100 mil que se gastaria com exames e cirurgias.”
 
Ainda conforme o secretário, “entre 95 e 99% das curas dos cânceres são conquistadas através do diagnóstico preventivo”.
 
O hospital, quando estiver com a equipe completa, contará com 70 profissionais trabalhando.
 
Por enquanto tem 47 funcionários, e ainda faltam ser contratados psicólogos, médicos, técnicos em radiologia e enfermeiros.
 
“Estamos privilegiando os profissionais daqui”, ressaltou Júnior. Ainda, para um trabalho eficiente, os profissionais da unidade localizada no Bairro Aero Rancho poderão fazer intercâmbio e trocar informações com as outras unidades do Hospital do Câncer de Barretos.
 
A coletiva aconteceu em um auditório, local onde será feito uma teleconferência, na quantidade de uma vez por semana, entre os profissionais da rede de Barretos espalhados por todo o País.
 

 

Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE