04 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
ESTUDANTES REALIZAM PROTESTOS EM FRENTE A UFGD

Estudantes e profissionais da educação realizam protestos em frente da UFGD

Como forma de protestos, profissionais colocaram caixões e cruz para simbolizar a "morte" do processo democrático

23 fevereiro 2021 - 11h40Da Redação
Como forma de protestos, profissionais colocaram caixões e cruz para simbolizar a morte do processo democrático
Como forma de protestos, profissionais colocaram caixões e cruz para simbolizar a "morte" do processo democrático - (Foto: Reprodução/Dourados Agora)
Cassems

Um protesto aconteceu na manhã de hoje (23) em frente da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), onde protestantes se reuniram contra a intervenção federal na instituição de ensino que já dura há 1 ano e sete meses. Como forma de protestos, profissionais colocaram caixões e cruzes para simbolizar a "morte" do processo democrático.

Conforme as informações do portal Dourados Agora, professores, estudantes, servidores técnicos e também alguns profissionais que atuam no Hospital Universitário (HU) participaram do manifesto.

A UFGD está sob intervenção desde junho de 2019, quando a professora Mirlene Ferreira Macedo Damázio foi indicada como reitora temporária, mesmo com uma chapa tendo sido eleita e a lista tríplice de nomes ter sido encaminhada para o MEC seguindo todos os processos de consulta interna à comunidade acadêmica.

O atual reitor Lino Sanabria tomou posse no dia 8 de fevereiro depois de ser nomeado pelo MEC (Ministério da Educação). Porém os protestantes alegam que os eleitos democraticamente como reitor e vice reitora são os professores Etienne Biasotto e Claudia Lima.

Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE