20 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
JBS - Covid 19
INVESTIMENTO

Energisa MS investiu cerca de R$ 97 milhões no 1º semestre de 2020

A Energisa Mato Grosso do Sul investiu R$ 97 milhões nos primeiros seis meses deste ano na área de concessão da distribuidora

14 agosto 2020 - 16h05
Principais frentes de investimento são em obras de expansão da rede em atendimento aos novos clientes e reforços para a melhoria contínua do fornecimento de energia.
Principais frentes de investimento são em obras de expansão da rede em atendimento aos novos clientes e reforços para a melhoria contínua do fornecimento de energia. - (Foto: Divulgação)

Principais frentes de investimento são em obras de expansão da rede em atendimento aos novos clientes e reforços para a melhoria contínua do fornecimento de energia. Até o final de 2020 a distribuidora pretende investir mais de R$ 100 milhões

A Energisa Mato Grosso do Sul investiu R$ 97 milhões nos primeiros seis meses deste ano na área de concessão da distribuidora. Apesar das medidas de contenção à pandemia de Covid-19, o volume está em linha com os investimentos realizados nos últimos anos. Atualmente, a Energisa MS atende mais de um milhão de clientes, divididos em 74 cidades do estado e emprega cerca de 1.381 pessoas.

A prioridade da Energisa é fornecer um serviço melhor aos clientes e garantir uma oferta de energia permanente e segura, levando conforto e bem-estar à população. Assim, a empresa continua sendo um vetor de desenvolvimento econômico e social nas regiões que atua, mesmo num momento de pandemia.

“O ano de 2020 trouxe desafios imensos. Além das questões de saúde que acompanhamos, o mundo dos negócios também se deparou com um novo cenário. Não medimos esforços para continuar prestando um serviço 24 horas por dia/ 7 dias na semana, preservando a segurança de nossos colaboradores e clientes. Continuamos investindo para melhorar a qualidade do serviço e garantir o atendimento a todos os clientes”, destaca Marcelo Vinhaes, diretor-presidente da Energisa Mato Grosso do Sul.

Nos primeiros seis meses do ano, a Energisa Mato Grosso do Sul realizou diversas iniciativas que visam garantir e melhorar o fornecimento de energia de todas as localidades atendidas pela empresa como obras de expansão da rede para ligação de novos clientes, principalmente em regiões rurais, manutenções nas linhas de distribuição e subestações, entre elas a ampliação da Subestação Campo Grande José Abrão e a substituição do transformador da Subestação de Sidrolândia, aumentando a disponibilidade de energia na região, além de melhorias e reforços em diversos pontos do sistema elétrico para melhoria contínua da qualidade do fornecimento de energia.

Considerando o primeiro semestre de 2020, a empresa encerrou o período com um aumento de 19.611 (2,33%) de clientes residenciais em relação ao mesmo período de 2019. No semestre, 153 mil clientes foram cadastrados no Programa de Tarifa Social de baixa renda, um aumento de 24.907 (19,44%) em relação ao ano anterior.

Com relação aos indicadores de qualidade do fornecimento, nesses primeiros seis meses do ano de 2020, o DEC (Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora) foi de 4,88 horas – uma redução de 7% em relação ao mesmo período do ano anterior – e o FEC (Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora) foi de 2,06 vezes, o que representa uma melhora de 2% na mesma comparação.

Investimentos e indicadores de qualidade do Grupo Energisa

Apesar do cenário de crise que toda a economia atravessa diante dos efeitos da Covid-19, O Grupo Energisa continuou com seus investimentos, que somaram R$ 1,386 bilhão nos primeiros seis meses deste ano, sendo R$ 671,5 milhões no segundo trimestre. Os recursos foram destinados, principalmente, para às 11 distribuidoras do Grupo Energisa em todo o país, que receberam, neste trimestre, R$ 568,4 milhões do montante total, a fim de promover a expansão e o reforço da rede e a melhoria contínua da qualidade da energia.

A continuidade dos investimentos teve reflexo positivo nos indicadores de qualidade. Dez das 11 distribuidoras do Grupo apresentaram desempenho melhor que a meta da Aneel para os indicadores FEC e DEC em junho deste ano, com evoluções consistentes dos dois indicadores. “O bom resultado é fruto do investimento em automação, construção e ampliação de novos alimentadores, subestações e linhas de alta tensão, além de uma maior assertividade das ações de manutenção, poda de árvores, adequação de veículos e aplicação de novas ferramentas e capacitação das equipes e gestão de produtividade. Todas as ações visam a atender cada vez melhor nossos clientes com segurança e confiabilidade”, ressalta Maurício Botelho, vice-presidente financeiro e diretor de Relações com Investidores do Grupo Energisa.

Movimento Energia do Bem

O Grupo Energisa vem adotando medidas, desde março, para minimizar os efeitos do coronavírus com todos os seus públicos-alvo. Foram destinados mais de R$ 8 milhões em diversas frentes que estão sendo realizadas em parceria com organizações com o objetivo de proteger seus colaboradores e clientes, além de assegurar a prestação dos serviços essenciais à sociedade.

Em Mato Grosso do Sul, a concessionária doou R$ 300 mil, que foram distribuídos para para a compra de itens de higiene e limpeza, de alimentos não perecíveis, fabricação de máscaras de proteção individual, e transporte e calibração de ventiladores pulmonares. Entre as ações, destaca-se a produção de 65 mil máscaras, 100% algodão, que foram destinadas aos idosos e indígenas do município de Dourados. E ainda, aos indígenas das cidades de Miranda e Aquidauana.

Asilos do estado, também foram contemplados pelo movimento Energia do Bem, que já ajudou 38 instituições em todo país. Em Campo Grande, o Asilo São João Bosco e do Sirpha Lar do Idoso receberam reforço no estoque dos produtos de higiene e limpeza – considerados itens essenciais durante a pandemia, com a entrega de 1.960 produtos e mais 423 kg de alimentos não perecíveis.

O movimento realizou o transporte e arcou com os custos de calibração de 76 ventiladores pulmonares de instituições de saúde de Campo Grande, Dourados, Ponta Porã, Bonito, Aquidauana, Jardim, Guia Lopes da Laguna, Aparecida do Taboado, que estavam estragados. Além ainda, da doação de 380 cestas básicas a famílias carentes de Campo Grande.

Reconhecimentos e Prêmios

A Energisa Mato Grosso do Sul ocupou o Ranking de Qualidade da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) 2019 e também foi reconhecida pelos seus clientes no Prêmio IASC 2018 – Índice de Satisfação do Consumidor, da ANEEL, como a melhor distribuidora de energia da Região Centro-Oeste, na categoria de distribuidoras acima de 30 mil consumidores. O IASC retrata o grau de satisfação do consumidor em relação à qualidade dos serviços prestados pelas distribuidoras de energia elétrica e tem o propósito de estimular a busca pela melhoria contínua.

No mesmo ano foi premiada com o Troféu Bronze do Prêmio Qualidade de Gestão MS e em 2019 foi campeã deste mesmo prêmio, com o reconhecimento no troféu Ouro – As Melhores em Gestão Mato Grosso do Sul 2019 – na categoria Rumo a Excelência, após ser classificada pela banca de juízes do PQG/MS.

No ano passado, a companhia recebeu um reconhecimento inédito pela Associação Brasileira de Recursos Humanos de Mato Grosso do Sul (ABRH/MS), o Prêmio Ser Humano 2019, por iniciativas inovadoras em Gestão de Pessoas.

A Energisa foi considerada, pela terceira vez consecutiva, uma das melhores empresas para se trabalhar na região Centro-Oeste, e desde 2018 está no ranking do Instituto Great Place To Work (GPTW). Em 2020, a Energisa MS se consolidou no patamar das 6 melhores empresas para se trabalhar na região Centro-Oeste.

Banner Whatsapp Desktop
TJ MS INTERNO

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você apoia o retorno do ensino presencial em escolas públicas ainda no ano de 2020?

Votar
Resultados
FORT ATACADISTA - Carne Fresca (interno)
TJ MS
pmcg ms