18 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
sebraeorienta
INTERNACIONAL

É preciso "equilíbrio" entre interesses sobre Antártica, diz China

23 maio 2017 - 14h20

O vice-primeiro-ministro da China, Zhang Gaoli, afirmou nesta terça-feira, no 40º encontro do Tratado da Antártida, que é preciso um "equilíbrio adequado" entre interesses econômicos e ambientais em relação ao continente.

A China está sediando até o dia 1º de junho a reunião com os países e organizações internacionais que fazem parte do acordo de proteção. Segundo Gaoli, o destino do frágil meio ambiente antártico irá afetar a sobrevivência humana.

O país asiático vem tentando ter mais influência sobre o continente, e os comentários do vice-primeiro-ministro levantaram especulações de que os chineses teriam interesse em explorar os recursos naturais da região.

No entanto, a oceanógrafa Kelly Falkner, representante dos Estados Unidos no encontro, não acredita que isso seja possível diante dos acordos internacionais. Para ela, a maior preocupação norte-americana é que a China tome a posição de liderança em pesquisas nas regiões polares. Fonte: Associated Press.

Banner Whatsapp Desktop
GAL COSTA

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Considerando a pandemia do novo coronavírus, você acha que o TSE deveria ter editado resolução e tornado o voto não obrigatório este ano?

Votar
Resultados
TJ MS INTERNO
TJ MS
pmcg ms