25 de fevereiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Geral

Diretoria da Fiems entrega unidade móvel de soldagem do Senai

17 dezembro 2013 - 13h00
A infraestrutura do Senai para qualificar a mão de obra para atender a demanda da indústria metalomecânica de Mato Grosso do Sul ganha mais um reforço com a entrega da unidade móvel de soldagem feita nesta terça-feira (17/12), no pátio do FatecSenai Campo Grande, pelo presidente Sérgio Longen e demais diretores do Sistema do Sistema Fiems. “Essa unidade móvel de soldagem chega para atender a grande demanda do setor industrial de Mato Grosso do Sul, pois a indústria metalomecânica atende todos os segmentos industriais”, destacou Sérgio Longen.
 
Ele acrescenta que apenas neste ano o Sistema Fiems entregou 10 unidades móveis ao Sesi e Senai para reforçar o atendimento nas áreas de qualificação profissional, saúde e inclusão digital. “Nós entendemos que, com a entrega dessa unidade, fechamos o ano com chave de ouro o reforço da nossa infraestrutura de formação profissional. Em janeiro devemos entregar mais uma unidade móvel de panificação e confeitaria e, no mês de março, vamos entregar outra unidade móvel de soldagem”, informou.
 
Já o diretor-regional Senai, Jesner Escandolhero, ressaltou que a área de soldagem é uma das mais essenciais na manutenção industrial e transversal a todo tipo de indústria. “Essa unidade vai nos dar mais liberdade, considerando que até hoje todos os cursos eram ministrados nas unidades fixas”, afirmou, completando que a expectativa é receber 210 alunos por ano na unidade móvel, sendo que os cursos têm em média 180 horas.
 
A unidade móvel está dividida em três ambientes com sala de aula e dois laboratórios, sendo que a sala de aula tem espaço para atender 10 alunos, conta com ar condicionado, data show e rampa de acesso para pessoas com deficiência motora. Já o laboratório possui 10 máquinas multiprocessos (processo eletrodo revestido, processo mig mag e processo tig), além do laboratório de ensaios (ensaio destrutivo e não destrutivo), que faz a verificação do controle de qualidade. Além disso, possui ainda lixadeira e esmerilhadeira, alimentada na corrente elétrica e pneumática.
 
Para o presidente do Simema/MS (Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Mato Grosso do Sul), Irineu Milanesi, a maioria dos trabalhadores na atualidade atua com experiências práticas e o curso de soldagem do Senai vem para preparar o profissional. “Com essa unidade móvel, será possível oferecer mais detalhes e um conhecimento maior, que aliará teoria e prática. Por meio de ações desse tipo, nós conseguimos qualificar a mão de obra local para que ele possa se especializar e, dessa forma, se projetar no mercado”, disse.
 
Na avaliação do vice-presidente da Fiems para a região da Grande Dourados, Sidnei Pitteri Camacho, é importante investir na área de metalmecância, que evolui constantemente. “A dinâmica do trabalho depende de inovações tecnológicas e profissionais bem preparados. A unidade móvel do Senai chega em boa hora para suprir essa lacuna na qualificação”, pontuou.
Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE
TJ MS