31 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Entidade - Homenagem

CRMV-MS homenageia profissionais e escolhe jovem de 31 anos como “Veterinário do Ano”

Mesa de autoridades do Conselho Regional de Medicina Veterinária
Mesa de autoridades do Conselho Regional de Medicina Veterinária - Divulgação
Fort  Atacadista - 21 ANOS

O Conselho Regional de Medicina Veterinária de Mato Grosso do Sul (CRMV) conferiu a Fabrício Barbosa Martins, de 31 anos, o título de médico veterinário do ano por sua atuação em favor da saúde pública.

Em maio deste ano eo dr. Fabrício emitiu um laudo que resultou na apreensão de sete toneladas de pescado em estoque na filial de Campo Grande de um Supermercado, onde desde janeiro é o técnico responsável pela parte de açougue, padaria e produtos perecíveis em geral. O produto tinha se deteriorado e estava impróprio para o consumo. Fabrício se insurgiu contra a orientação do gerente da loja (há quatro anos no cargo) que vinha tentando maquiar o pescado, lavando com limão para tentar tirar o mau-cheiro que exalava. Encaminhou seu laudo (confirmado pela Vigilância Sanitária) à direção geral da empresa que não só o manteve no cargo, como demitiu o gerente negligente, embora ele tivesse 20 anos de casa.

Fabrício diz que não sofreu nenhum tipo de retaliação por parte da empresa que pelo contrário, o manteve nas suas funções. “Como profissional não poderia agir de outra forma porque com certeza, a venda do pescado apodrecido, colocaria em risco a saúde dos consumidores. A empresa entendeu que eu estava cumprindo meu papel”, destaca.

Além de Fabrício, o Conselho Regional de Medicina Veterinária de Mato Grosso do Sul prestou homenagens a 60 profissionais que completaram 25 anos de exercício profissional (o Distintivo Prata). Dois profissionais foram homenageados com o título de Honra ao Mérito Médico Veterinário: Ademar da Silva, presidente da Famasul (Federação da Agricultura de Mato Grosso do Sul), pelos serviços prestados ao agronegócio sul-mato-grossense e Maria Lucia Costa Metello, presidente da ONG Abrigo dos Bichos. A solenidade de entrega das homenagens foi no Sindicato Rural de Campo Grande, no último dia 9, o Dia Veterinário, data que em 1933 a profissão foi regulamentada no País. Hoje no Brasil cerca de 80 mil profissionais atuam em diversas áreas como pesquisa, ensino, extensão, saúde pública, segurança alimentar, meio ambiente e sanidade animal. Em Mato Grosso do Sul são quatro mil Médicos Veterinários inscritos no Conselho Regional. Para o presidente do Conselho, Osmar Bastos, as homenagens é um justo reconhecimento do trabalho e do papel social que estes profissionais desenvolvem.

 

ONG de Proteção – Outra homenageada que cumpre um trabalho de relevância social foi Maria Lucia Metello, fundadora e responsável por uma ONG, o Abrigo dos Bichos, fundado em setembro de 2001, que faz um trabalho de defesa dos animais, contra maus tratos, mantém um centro de reabilitação, promove campanhas de estímulo à adoção e faz uma cruzada contra a prática de eutanásia na população canina, a pretexto de controle da leishmaniose. Além de defender a castração como forma de controle da população animal.

Banner Whatsapp Desktop
AL MS
MS Digital