29 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Campanha Bonito Seguro - Fase 2
Polêmica

Brasil poderá seguir exemplo dos argentinos

26 agosto 2009 - 09h23
Fort  Atacadista - 21 ANOS

 O Brasil deve seguir os passos da Argentina e abrandar a sua Lei Nacional de drogas, em vigor desde 2006, ainda neste ano, prevê o governo Federal.

 Um projeto de lei, que será levado ao Congresso Nacional pelo deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP), vai prever a diminuição das punições para quem porta pequenas quantidades de drogas leves, principalmente a maconha.

 Andar com maconha para consumo pessoal, pela previsão do deputado - interlocutor do governo sobre o tema -, deixará de ser crime e virará infração administrativa. As penas serão limitadas a multas e haverá o encaminhamento do usuário para tratamento.

 O projeto ainda poderá ter um ponto polêmico e autorizar o plantio doméstico da maconha para uso próprio. A ideia, diz Teixeira - que participou de conferências em Buenos Aires sobre drogas - é afastar o usuário do contato com traficantes e o crime organizado.

 Enquanto especialistas da área criminal defendem as propostas, outros, da área médica, consideram que a liberalidade excessiva aumentaria o interesse pelo consumo de drogas.

Banner Whatsapp Desktop
PMCG
MS Digital