20 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
al outubro2
Investimento

André ressalta importância do Codesul para MS, PR, SC e RS

18 novembro 2009 - 14h13
Fort  Atacadista - 21 ANOS

  Ao chegar para a reunião do Conselho de Desenvolvimento e Integração Sul (Codesul), o governador André Puccinelli falou sobre a importância da reunião para a celebração de uma maior integração ainda maior entre os estados de Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná com os componentes da Zona de Integração do Centro-Oeste e da América do Sul (Zicosul), sendo cinco regiões do Chile, nove da Argentina, oito da Bolívia e o Paraguai todo. “São intercâmbios que queremos fazer nas relações bilaterais sejam relações comerciais, ou nas áreas de educação, cultura e sanidade animal e vegetal”, afirma.

  Puccinelli destacou a moção para ampliar a Ferroeste para Ferrosul, integrando a malha ferroviária dos estados do Sul. A empresa teria gestão compartilhada entre os quatro estados. “Temos duas ferrovias inclusas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

  A ferrovia que nós demos início foi a que liga a maior área de produção do Estado, Maracaju, passando por Dourados indo a Mundo Novo, entrando no Paraná por Guaíra e unido-se em Cascavel com a malha da Ferroeste já existente, que inclusive tem a concessão da malha ferroviária que se estenderia até Campo Grande”, explica.

  Segundo o governador, a unia das malhas ferroviárias foi pensada há muitos anos e agora pela atuação efetiva dos quatro governos, em especial de Mato Grosso do Sul, o projeto será concretizado. “A solicitação é para que se una essa ferrovia com o sudoeste de Santa Catarina, passando pelo Paraná e adentrando-se ao Rio Grande do Sul”, conclui.

  “Essa é uma outra proposição, do governador do Paraná Roberto Requião, que diz respeito a essa parte de produção dos estados”, conta

  De acordo com o governador, a intenção é capitalizar o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) com o valor de R$ 1 bilhão. “Haveria um incremento de produção dos quatro estados para 75 milhões de toneladas de grãos em 2010”, ressalta.

Banner Whatsapp Desktop
AL MS
PMCG