25 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Obras

André lança MS Forte com R$ 3 bi em ações e obras

2 outubro 2009 - 14h31
André lança o programa hoje à noite no Palácio Popular da Cultura
André lança o programa hoje à noite no Palácio Popular da Cultura - Divulgação
Fort  Atacadista - 21 ANOS

  As Ações para o Desenvolvimento de Mato Grosso do Sul “MS Forte”, que contemplam os 78 municípios do Estado com investimento de R$ 3 bilhões em obras e programas.

  Desse valor, 80% são recursos próprios do governo estadual que serão aplicados nas áreas de saúde, educação, habitação, assistência social, infraestrutura logística, promovendo a geração de emprego e renda e proporcionando melhoria significativa na qualidade de vida da população sul-mato-grossense.

  Durante esta semana, o governador afirmou que o MS Forte é composto por programas, ações e obras visando o desenvolvimento do Estado. “É uma análise de como Mato Grosso do Sul estava, o que está sendo feito e o que será realizado”, explicou Puccinelli.

  Uma das ações que integra o MS Forte revelada pelo governador é a construção de mais oito mil casas em todo Estado. “Somadas as casas já construídas, teremos 37 mil unidades habitacionais, faltando apenas 13 mil para chegar as 50 mil casas que determinamos até o final de 2.010”, reforçou.

  No início do governo, Puccinelli enfrentou problemas financeiros e conseguiu equilibrar as contas, concedendo reajuste aos servidores e corrigindo distorções salariais, inclusive antecipando em um ano o Piso Nacional do Magistério.

  No final do ano passado, quando vários setores começaram a sentir o impacto da crise mundial, o governador anunciou medidas econômicas para desonerar vários setores e incrementar o comércio, as vendas e as áreas de produção e da indústria.

  Uma das mais importantes foi a postergação do prazo de recolhimento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) por 10 dias, que ainda continua em vigor até dezembro deste ano, garantindo fluxo de caixa para que as empresas e indústrias possam fazer investimentos e quitar outros débitos.

  Mesmo abrindo mão da arrecadação estadual, sofrendo perdas de 30% no repasse do Fundo de Participação dos Estados (FPE) e também na arrecadação estadual, o governador lança o mais ousado e inédito programa de ações e obras já visto em Mato Grosso do Sul.

  Enquanto outras unidades da federação amargam estagnação da economia e suspensão de obras, o MS Forte contempla o Estado com obras, programas e ações, com o objetivo único de desenvolvimento.

Banner Whatsapp Desktop
ALMS
Annelies