25 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Entidade

André destaca trabalho da Fiems durante abertura do 2º Canasul

Sérgio Longen explicou a André Puccinelli as ações do Programa Senai de Qualificação
Sérgio Longen explicou a André Puccinelli as ações do Programa Senai de Qualificação - Divulgação
Fort  Atacadista - 21 ANOS

O trabalho da Fiems - Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul - na qualificação de mão-de-obra para o setor sucroalcooleiro foi ressaltado na manhã da última sexta-feira durante o discurso de abertura do 2º Canasul (Congresso de Tecnologia na Cadeia Produtiva da Cana-de-açúcar) do governador André Puccinelli.

Para ele, a parceria com a Fiems garante ao Estado condições de empregar mão-de-obra local, evitando que sejam importados trabalhadores de outras regiões. “Olhe para Três Lagoas. Há um grande desenvolvimento local. A qualificação da mão-de-obra acontece ali e este trabalho envolve diretamente o Sistema Fiems. Na construção civil, as ações estão acontecendo e graças a isso somos o Estado com o maior percentual de aumento na geração de empregos no setor”, declarou o governador que visitou ao lado do presidente da Fiems, Sérgio Marcolino Longen, o estande do Sistema montado no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo para o 2º Canasul.

Sérgio Longen explicou a André Puccinelli as ações do Sistema, principalmente o P3S (Programa Senai de Qualificação para o Setor Sucroalcooleiro). “Após a implantação das primeiras usinas, outras também se interessam em implantar unidades aqui e, por isso, precisamos investir na capacitação da mão-de-obra e também estruturar os municípios para que eles abriguem essas indústrias”, declarou.

O presidente da Fiems completou que o Senai/MS é o responsável pelo desenvolvimento de ações de qualificação voltadas ao setor por meio do P3S, que é um programa de educação profissional com foco no processo industrial sucroalcooleiro. “É um setor em crescimento no Estado e nós temos a certeza de que investindo no desenvolvimento tecnológico e na qualificação da mão-de-obra teremos condições de atender as expectativas das empresas”, disse. Ainda na abertura do evento, o presidente da Famaul, Ademar da Silva Júnior, também destacou que o Estado está a caminho de se tornar o maior produtor de álcool do Brasil, com produção de 1,8 bilhão de litros em 2007/2008 e expectativa de chegar a 5,9 bilhões de litros em 2015.

Banner Whatsapp Desktop
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Annelies