28 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Campanha Bonito Seguro - Fase 2
AO VIVO Acompanhe a transmissão do jornal GIRO ESTADUAL DE NOTÍCIAS
Transmitido simultaneamente para as emissoras do Grupo Feitosa de Comunicação
Casamento

A vida é uma festa

Eurides Aoki
Fort  Atacadista - 21 ANOS

Ela com a energia ligada nos 220, como se dizia antigamente. Ele, com a serenidade de sempre. 

Complementares em tudo, Patrícia de Albuquerque e Leonardo Jallad se casaram no sábado, 16, com uma cerimônia que lembrava em tudo que os donos da festa eram eles, porém os mimos da noite eram todos para os convidados. 

Há tempos não se via a São José tão lotada, a ponto de muitos permanecerem no saguão de entrada da igreja e mesmo assim não arredarem o pé até que os noivos dissessem o esperado sim. 

O congestionamento de amigos continuou nas ruas próximas ao Grand’Mere, no Carandá; lá, habilidosos manobristas evitavam qualquer preocupação para os convidados. O trabalho da mestre em cerimonial Carol Rezek estava apenas começando, mas já deixava sua marca.
Dentro dos salões, o romantismo estava por todos os lugares; das paredes forradas com estampa floral às lamparinas dos centros de mesa.

Maria Inês Martinusso e Marcelo Franchello pensaram em tudo e até construíram um espaço que lembrava um jardim de inverno; foi lá que as tentações de chocolate e açúcar atiçavam os convidados, em especial, claro, as mulheres.
Os donos da noite entraram na festa radiantes ao som de Viva La Vida, de Coldplay. Ela, vestida por Samuel Cirnansck, com tiara de Bibiana Paranhos, make up de Maria Mesquita e cabelo assinado pelo Igor, do Galleria. Ele, com terno de Ricardo Almeida.

Daí para a frente,  a pista  - com as iniciais P e L em um monograma que remetia à Louis Vuitton e comandada pelo DJ gaúcho Luciano Ucha - ficou sempre lotada. 

Patrícia e Leo desmentiram a lenda de que geralmente noivos não aproveitam a festa de casamento. Juntos, rodopiaram agradecendo os amigos que vieram de várias partes do Brasil e, entre um abraço e outro, estavam sempre na pista.

Para a turma que se lembrou de comer, a mesa com pães, queijos e iguarias deliciosas como brie com damasco foi uma das que mais chamou a atenção, com arranjos feitos por longos ramos de trigo. Outros cantos disputados foram a mesa japonesa forrada de bambus, com o melhor da culinária oriental e sashimis frescos, e a dos pratos principais como arroz selvagem e postas de robalo.

Gente da política, imprensa, moda, Direito, família e amigos de infância dos noivos não deixaram a festa parar por um minuto. Da política, conseguimos anotar Delcídio do Amaral, acompanhado da esposa Maika; e o ex-governador Wilson Barbosa Martins e sua filha Celina Jallad. 

Quando os pés começavam a dar sinais de cansaço, rasteirinhas com estampa de oncinha começaram a ser distribuídas. A festa não tinha mesmo hora para terminar; regra seguida à risca pelos garçons que não pararam de servir Veuve Clicquot até que o último convidado estivesse na festa. Enquanto alguns mais animados dançavam na pista, outros que já estavam no estacionamento se surpreendiam com mais uma delicadeza dos noivos, um cone com balas de coco e uma garrafinha de água com o rótulo personalizado colocados dentro de cada carro agradeciam a presença. 

Os primeiros raios de sol do domingo estavam começando a aparecer quando Leo e Pat - ela a contragosto - deixaram o Grand’Mere.

O domingo foi dia de curtir quem veio de fora e abrir os vários presentes que não paravam de chegar na casa dos pais dos noivos. E se cansaço era o que eles sentiam, não podiam ter escolhido lugar melhor para a viagem de núpcias.  As paradisíacas Ilhas Maurício, com esticada programada na África do Sul, foram o destino dos dois já na segunda-feira, 18.

Banner Whatsapp Desktop
PMCG
Annelies