15 de janeiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
botafogo

Honda desabafa após troca de técnico e cogita deixar o Botafogo: 'Inacreditável'

O ex-jogador Dudu Cearense respondeu ao desabafo de Honda e, em inglês, fez um apelo para que ele permaneça no clube

27 novembro 2020 - 19h55
Recentemente, Honda acertou renovação de seu contrato até fevereiro de 2021
Recentemente, Honda acertou renovação de seu contrato até fevereiro de 2021 - (Foto: Toru Hanai/ Reuters)

O meia Keisuke Honda fez uma desabafo nas redes sociais nesta sexta-feira. Após o Botafogo decidir trocar de técnico mais uma vez na temporada, o japonês cobrou explicações do clube e afirmou que "pensa em sair" caso não seja convencido em breve de que deve permanecer.

"Inacreditável. Vou começar a pensar em sair se eles não me convencerem em alguns dias", escreveu Honda em seu perfil oficial no Twitter. Um dos líderes do elenco, o japonês está descontente com a situação do Botafogo, que anunciou o quinto treinador em 2020 e está mergulhado em uma grave crise financeira.

O ex-jogador Dudu Cearense respondeu ao desabafo de Honda e, em inglês, fez um apelo para que ele permaneça no clube. "Honda, me desculpe por dizer isso, mas nesse momento o clube precisa de você. Por que você está pensando em sair? Sair não é a melhor maneira, chame os jogadores e faça isso como um verdadeiro líder. Pense nisso, você consegue. Saudações alvinegras", escreveu.

Recentemente, Honda acertou renovação de seu contrato até fevereiro de 2021, quando termina o Campeonato Brasileiro. O jogador é titular absoluto do time, mas ficou ausente de alguns jogos por limitações físicas. Ele atuou em 24 jogos e marcou três gols nessa temporada.

Nesta sexta, o clube decidiu demitir Ramón Diaz e seus auxiliares antes mesmo de ele estrear e também anunciou a contratação de Eduardo Barroca, que dirigiu o time alvinegro no ano passado.

A diretoria optou pela demissão do treinador argentino por entender que "não pode mais esperar" o comandante, que passou por cirurgia recentemente. Sua alta, antes prevista para esta semana, foi adiada para 7 de dezembro porque o quadro de saúde é menos simples do que se imaginava.

Barroca será o quinto técnico do time alvinegro em 2020. A equipe começou o ano com Alberto Valentim e depois teve Paulo Autuori e Bruno Lazaroni antes da troca de comando desta sexta, além dos três jogos em que o preparador de goleiros Flávio Tênius treinou o time interinamente.

O Botafogo vive uma crise dentro e fora dos gramados e amarga a penúltima colocação na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, com 20 pontos, a cinco do Sport, o primeiro time fora do grupo do descenso.

Banner Whatsapp Desktop
Comper sem sair de casa

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Com os sorteios da Nota Premiada MS, você tem solicitado a inclusão do CPF na nota fiscal?

Votar
Resultados
Comper sem sair de casa