26 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
ESPORTE

Cuca lamenta nova punição dada pela Fifa ao Santos e 'libera' Elias e Laércio

Quitamos parte das pendências e não penso em reforço nenhum porque tenho que cuidar dos meninos. Não me queixo de nada", disse

21 setembro 2020 - 09h25
Dois deles até já estão acertados com o Santos e treinando sob supervisão do clube, mas Cuca revelou que já os liberou se quiserem achar um novo time. São os casos do volante Elias
Dois deles até já estão acertados com o Santos e treinando sob supervisão do clube, mas Cuca revelou que já os liberou se quiserem achar um novo time. São os casos do volante Elias - (Foto: Ivan Storti / Santos FC)
Fort  Atacadista - 21 ANOS

O Santos vive uma grave crise financeira e foi surpreendido nesta semana ao receber da Fifa mais uma punição pelo não pagamento de dívidas. O clube paulista está proibido de inscrever jogadores nas próximas três janelas de transferências em função de débitos com o Hamburgo, da Alemanha, e com o Huachipato, do Chile - o primeiro de R$ 30 milhões pela contratação do zagueiro Cléber Reis, e a outra de R$ 18 milhões pela aquisição do venezuelano Soteldo.

O técnico Cuca falou pela primeira vez sobre a nova punição dada pela Fifa ao Santos e lamentou o ocorrido, o que impede a liberação para ter reforços. Agora diz que não pensa na chegada de novos atletas. "Eu cuido dos meninos e só, não quero saber de mais nada. Meu trabalho foi tentar ajustar aqueles que estavam na Justiça, os casos do Everson e (Eduardo) Sasha, e deu certo. Quitamos parte das pendências e não penso em reforço nenhum porque tenho que cuidar dos meninos. Não me queixo de nada", disse.

O desabafo de Cuca aconteceu após o empate sem gols contra o Botafogo, na noite de domingo, no Rio de Janeiro, pelo Campeonato Brasileiro. "Vou dar meu máximo, não vou lamentar punição. Colocar culpa em um ou outro... Isso não ajuda o Santos em nada. O pessoal lá sabe o que deve fazer e até quando tem para fazer", emendou o treinador.

O que o Santos tem de fazer para poder contratar é pagar o que deve ao Hamburgo e ao Huachipato ou fazer um acordo com os dois clubes. Quando eles foram oficializados, a Fifa retirará a proibição de inscrever novos jogadores.

Dois deles até já estão acertados com o Santos e treinando sob supervisão do clube, mas Cuca revelou que já os liberou se quiserem achar um novo time. São os casos do volante Elias - com passagens por Corinthians e Atlético-MG -, e o zagueiro Laércio, ex-Caxias-RS.

"O que eu faço com Elias e Laércio? Sou aberto, chamei o Elias e disse que pode ir que ninguém vai segurar. Mesma coisa com Laércio. São profissionais, precisam jogar. Se forem, vamos lançar outros meninos e tocar o barco", concluiu Cuca.

O Santos agora volta a campo nesta quinta-feira contra o Delfín, no Equador, às 23 horas (de Brasília), pela Copa Libertadores. A delegação seguirá treinando no Rio de Janeiro até a viagem para o compromisso pela quarta rodada do Grupo G.

Banner Whatsapp Desktop
PMCG
AL MS