28 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
PMCG
ESPORTE

Apesar do vice, Modric é eleito melhor jogador da Copa; Mbappé é a revelação

15 julho 2018 - 13h58
O FLOR DA MATA - NOTICIAS

Minutos depois da vitória da França sobre a Croácia por 4 a 2, na decisão da Copa do Mundo da Rússia, a Fifa anunciou neste domingo os prêmios do torneio. Apesar da decepção pelo resultado, o meia Luka Modric, do Real Madrid, foi eleito o melhor jogador da competição e ficou com a Bola de Ouro.

Modric liderou a Croácia à melhor campanha de sua história. O jogador de 32 anos marcou duas vezes ao longo da campanha, contra Nigéria e Argentina ainda na primeira fase, e deu uma assistência. Mais do que isso, comandou o meio de campo de um time que surpreendeu o mundo ao ir à sua primeira final de Copa.

Com a eleição de Modric, um campeão do Mundial segue sem ter o melhor jogador do torneio desde 1994. Na ocasião, Romário foi eleito o melhor jogador da Copa dos Estados Unidos após levar o Brasil ao tetra. De lá para cá, isso não mais se repetiu nos títulos de França, Brasil, Itália, Espanha e Alemanha.

Em 1998, Ronaldo, vice-campeão com o Brasil, foi eleito o melhor. Quatro anos mais tarde, a honraria ficou com Oliver Kahn, segundo colocado com a Alemanha. Também derrotado na final, Zidane recebeu o prêmio em 2006. Já em 2010, o quarto colocado Forlán foi o escolhido. E em 2014, Messi ficou com o troféu apesar da derrota na final.

Se Modric foi o melhor da Copa, Eden Hazard ficou na segunda colocação, apesar de ter caído nas semifinais com a Bélgica, que terminou em terceiro. Só então apareceu um campeão. O atacante Antoine Griezmann, um dos vice-artilheiros da Copa, com quatro gols, ficou na terceira colocação da eleição.

MBAPPÉ REVELAÇÃO - Cogitado como um dos candidatos a craque da Copa, o atacante Mbappé não ficou entre os três, mas não saiu do torneio de mãos abanando. Afinal, o jovem atacante do Paris Saint-Germain, de apenas 19 anos, foi eleito a revelação do Mundial.

Mbappé também marcou quatro gols e se tornou o francês mais jovem a balançar a rede em um Mundial, superando Trezeguet, em 1998. Ele também foi apenas o segundo atleta com menos de 20 anos a balançar a rede em uma final de Copa, igualando o que Pelé havia feito em 1958, com 17 anos.

Outro premiado neste domingo foi Thibaut Courtois, eleito o melhor goleiro da Copa. Ele ficou com a Luva de Ouro da competição após ser fundamental na campanha da terceira colocada Bélgica.

Harry Kane terminou mesmo como artilheiro, com seis gols, pela Inglaterra, e ficou com a Chuteira de Ouro. Griezmann e Lukaku, ambos com quatro, receberam a Chuteira de Prata e a de Bronze, respectivamente.

Banner Whatsapp Desktop
GAL COSTA

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você já sabe em quem votar para prefeito de seu município?

Votar
Resultados
TJ MS INTERNO
pmcg ms
TJ MS