27 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
JBS - Covid 19
ECONOMIA

Alta na indústria em junho ante maio é a maior desde junho de 2018

A indústria opera no terceiro mais baixo patamar da série histórica

4 agosto 2020 - 09h51
Os dados são da Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física, iniciada em 2002 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
Os dados são da Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física, iniciada em 2002 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). - (Foto: Reprodução)

A alta de 8,9% na produção industrial em junho ante maio foi a mais acentuada desde junho de 2018, quando tinha crescido 12,5%, após a perda provocada pela greve de caminhoneiros no mês imediatamente anterior. Os dados são da Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física, iniciada em 2002 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em dois meses de altas, a indústria acumula um avanço de 17,9%, ainda insuficiente para recuperar a perda de 26,6% registrada nos meses de março e abril.

"O ganho acumulado de 17,9% não suplanta a perda dos meses anteriores. Só para gente relativizar esse crescimento, são expansões que ocorrem sobre uma base de comparação muito depreciada. A indústria opera no terceiro mais baixo patamar da série histórica. A indústria opera 13,5% abaixo do patamar de fevereiro, pré-pandemia", observou André Macedo, gerente na Coordenação de Indústria do IBGE.

Mesmo com o desempenho positivo mais acentuado em maio e junho, a indústria ainda opera 27,7% abaixo do nível recorde alcançado em maio de 2011.

Em relação a junho de 2019, a produção recuou 9,0% em junho de 2020, oitavo resultado negativo seguido nesse tipo de comparação.

Banner Whatsapp Desktop
GAL COSTA

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você já sabe em quem votar para prefeito de seu município?

Votar
Resultados
FORT ATACADISTA - Carne Fresca (interno)
TJ MS
pmcg ms