23 de janeiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
SENAR -  Curso Técnico Agropecuário
EDUCAÇÃO

Formação Continuada orienta professores sobre organização das salas de apoio pedagógico e o papel do professor

A formação ofereceu às professoras das salas de Apoio Pedagógico a ampliação do repertório acerca dos conhecimentos sobre os Transtornos Específicos de Aprendizagem

2 junho 2017 - 09h52
De acordo com a coordenadora do Núcleo da Sala de Apoio Pedagógico, Daniela Gil, foram três dias de trabalho intenso
De acordo com a coordenadora do Núcleo da Sala de Apoio Pedagógico, Daniela Gil, foram três dias de trabalho intenso - Divulgação
MÊS DA ECONOMIA COMPER

A Secretaria de Estado de Educação (SED) realizou esta semana a 1ª Formação Continuada “Perspectivas Educacionais sobre os Transtornos Específicos de Aprendizagem e o Trabalho nas Salas de Apoio Pedagógico, de 30 de maio a 1º de junho, no Centro Estadual de Educação Especial e Inclusiva (Ceespi), na Capital.

Na programação, palestras sobre o funcionamento e organização das salas de apoio pedagógico e o papel do professor; planejamento das atividades, diário de bordo, portfólio, registros caderno de estudante e cronograma de atendimento; transtorno do déficit de atenção e hiperatividade; transtornos específicos de aprendizagem, como dislexia, disgrafia, discalculia e disortografia; alfabetização e letramento; e oficinas.

A formação, realizada com o apoio da Coordenadoria de Políticas para a Educação Especial (Copesp), ofereceu às professoras das salas de Apoio Pedagógico a ampliação do repertório acerca dos conhecimentos sobre os Transtornos Específicos de Aprendizagem para que elas possam realizar um trabalho de excelência com os estudantes da Rede Estadual de Ensino.

De acordo com a coordenadora do Núcleo da Sala de Apoio Pedagógico, Daniela Gil, foram três dias de trabalho intenso. “Utilizamos a metodologia de Educar pela Pesquisa para que não percamos de vista a importância de termos profissionais da educação que postulem práticas pedagógicas que de fato possam atender a demanda das nossas crianças. Estamos muito confiantes no êxito desse projeto”, destacou.

Salas de Apoio Pedagógico

As Salas de Apoio Pedagógico nas escolas da Rede Estadual de Ensino de Mato Grosso do Sul foram implantadas com objetivo de oferecer apoio pedagógico que melhore o contexto educacional e acadêmico dos estudantes com dificuldade de aprendizagem, buscando alternativas para superar essa dificuldade e contribuindo para o fortalecimento da aprendizagem e identidade dos estudantes atendidos.

As salas, um serviço da Educação Especial com início no mês de junho de 2017, são destinadas para atendimento de estudantes, do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, com transtornos funcionais específicos da aprendizagem, com transtornos funcionais específicos da aprendizagem, com diagnóstico de transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDHA), dislexia, discalculia, disortografia ou com múltiplas repetências, considerados pelo menos dois anos de reprovação.

O atendimento ao estudante terá caráter temporário e provisório, com o prazo de permanência e frequência na Sala de Apoio Pedagógico estabelecido no Plano Educacional Individualizado. As salas têm como foco a aprendizagem, com atendimento será no contraturno, até três vezes por semana, com grupos de, no máximo, cinco estudantes, com recursos de intervenção de alfabetização que contemplem oralidade, escrita e leitura.

Banner Whatsapp Desktop
TJ MS