23 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
maracaju covid
APOIO PEDAGÓGICO

Salas vão atender estudantes com transtornos de aprendizagem em MS

Estruturas, conforme resolução da SED, vão substituir as brinquedotecas nas escolas que atendem estudantes do ensino fundamental

24 maio 2017 - 09h24Com informaçoes do G1
O atendimento nas estruturas terá caráter temporário e vai ser oferecido no contraturno dos estudantes, sendo realizado por até duas horas, até três vezes por semana, com grupos compostos por no máximo cinco estudantes
O atendimento nas estruturas terá caráter temporário e vai ser oferecido no contraturno dos estudantes, sendo realizado por até duas horas, até três vezes por semana, com grupos compostos por no máximo cinco estudantes - Divulgação

A secretaria de Educação de Mato Grosso do Sul (SED) vai substituir as brinquedotecas das escolas estaduais por salas de apoio pedagógico. As estruturas vão atender aos estudantes do primeiro ao quinto ano do ensino fundamental, com transtornos funcionais específicos de aprendizagem, em que se incluem o transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDHA), a dislexia, a discalculia, a disortografia ou ainda os alunos que têm no histórico escolar múltiplas repetências.

A resolução instituindo a criação das salas de apoio pedagógico foi publicada na edição desta quarta-feira (24), do Diário Oficial do estado. O atendimento nas estruturas terá caráter temporário e vai ser oferecido no contraturno dos estudantes, sendo realizado por até duas horas, até três vezes por semana, com grupos compostos por no máximo cinco estudantes.

O encaminhamento do estudante para que receba esse apoio será feito pelo professor em sala de aula. Entretanto, antes o aluno passará por avaliação do professor da sala de apoio pedagógico, de técnicos do Núcleo de Educação Especial (Nuesp) e de técnicos de educação básica, em parceria com a coordenação pedagógica e a direção do colégio.

A resolução aponta que o trabalho na sala de apoio pedagógico tem o objetivo de minimizar o fracasso escolar, melhorando o contexto educacional e acadêmico dos estudantes com dificuldades de aprendizagem e transtornos funcionais; buscar alternativas para superar as dificuldades na escrita e propiciar a utilização sistematizada do método de consciência fonológica.

O Núcleo da Sala de Apoio Pedagógico terá sede no Centro Estadual de Educação Especial e Inclusiva (Ceespi), em Campo Grande. Para atuar em cada escola será selecionado um professor que seja licenciado em Pedagogia, tenha pós-graduação em Psicopedagogia ou Neuropsicopedagogia, comprove domínio no conhecimento de alfabetização e tenha experiência em educação especial. A seleção dos profissionais que vão atuar nas salas será feita com base no currículo e em entrevistas.

Banner Whatsapp Desktop
TJ MS INTERNO

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você apoia o retorno do ensino presencial em escolas públicas ainda no ano de 2020?

Votar
Resultados
FORT ATACADISTA - Carne Fresca (interno)
pmcg ms
TJ MS