18 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
 Águas Guariroba - [ Campanha Águas em Ação 3] - Full Banners
EDUCAÇÃO

Ao comemorar 65 anos, associação promove evento com palestra sobre saúde do trabalhador

No dia 18 de maio, o Sindicato Campo-grandense dos Profissionais da Educação Pública recebe Lauro Davi (IMPCG/Servimed e Cassems) e Ricardo Ayache (Cassems)

17 maio 2017 - 15h45Da Redação com Assessoria
Como parte do lançamento do projeto, a ACP realiza, durante a solenidade do dia 18, uma palestra sobre saúde do trabalhador com Ayache ( foto) e Lauro Davi
Como parte do lançamento do projeto, a ACP realiza, durante a solenidade do dia 18, uma palestra sobre saúde do trabalhador com Ayache ( foto) e Lauro Davi - Arquivo
O FLOR DA MATA - NOTICIAS

18 de maio de 1952. Essa é a data de fundação da mais antiga entidade de classe dos professores de Mato Grosso do Sul: a ACP - criada como a Associação Campo-grandense de Professores, por um grupo de educadores que acreditavam na união para transformar a realidade de descaso e abandono da educação pública. Hoje, mais de seis décadas depois e cerca de 5 mil filiados, o Sindicato Campo-grandense dos Profissionais da Educação Pública completa 65 anos de luta em defesa do magistério.

E para comemorar essa data, a entidade realiza nesta quinta-feira (18), às 19h, em sua sede, uma solenidade de aniversário com apresentações culturais, palestras, lançamentos e outras atividades.

“A ACP é motivo de muito orgulho para todos nós, profissionais da educação filiados. Neste dia 18, teremos um momento para recordar toda essa história de luta. É uma homenagem a todos os milhares de educadores que fizeram e fazem da ACP essa instituição forte”, afirma o atual presidente do sindicato, Lucílio Souza Nobre.

A vice-presidente, professora Zélia Aguiar, destaca a relevância da ACP não apenas para a educação pública, como também para a defesa da democracia e da liberdade. “Ao longo desses 65 anos, a ACP protagonizou importantes lutas pela categoria, mas, nós também empenhamos grandes batalhas no passado e atualmente na defesa da democracia e dos direitos dos trabalhadores. Assim foi nas Diretas Já, assim está sendo agora, contra o golpe e a retirada de direitos que o governo Temer quer nos aplicar por meio das reformas da Previdência e trabalhista. Portanto, comemorar o aniversário da ACP é celebrar a coragem e a resistência”, exaltou a professora Zélia.

Exemplificando o grande valor da entidade para os profissionais da educação, Lucílio lembra algumas conquistas importantes da categoria. “Temos vitórias significativas como os estatutos do magistério das redes municipal e estadual, nossos planos de cargos e carreiras, estabilidade no emprego por meio de concursos públicos, ganhos salariais - a Lei do Piso é a maior representação desses ganhos, da mesma forma que a sua implementação é ainda nosso grande desafio”, pontua Nobre.

Neste ano, as comemorações pelo aniversário da ACP incluem três eventos: VI Corrida e Caminhada, que aconteceu no último domingo (14), a solenidade de aniversário desta quinta-feira e o tradicional Baile do Trabalhador e Aniversário da ACP, marcado para o dia 27.

Pesquisa sobre saúde do professor

Entre as atividades da solenidade de aniversário, a ACP vai lançar o projeto para publicação da 2ª edição da Pesquisa Sobre a Saúde dos Profissionais da Educação Pública de Campo Grande.

O trabalho que será coordenado pela secretária educacional, professora Lilian Teles Herrera, pretende atualizar os dados da primeira pesquisa que o sindicato realizou em 2009. As informações levantadas na época orientaram as ações da ACP para atividades de prevenção de doenças e estímulo da uma vida saudável entre os educadores e também baseou as cobranças que o sindicato fez dos governos municipal e estadual quanto às políticas que priorizem a saúde dos trabalhadores da educação.

“Nosso objetivo é saber como está a saúde do professores de Campo Grande, fazer um paralelo com os dados de 2009 para avaliar tanto as ações que empreendemos nessa área, como também continuar a cobrança dos gestores públicos por melhores condições de trabalho aos profissionais da educação”, explica a professora Lilian.

Como parte do lançamento do projeto, a ACP realiza, durante a solenidade do dia 18, uma palestra sobre saúde do trabalhador, com os diretores presidentes dos planos de assistência médica dos servidores públicos: Lauro Davi (IMPCG/Servimed e Cassems) e Ricardo Ayache (Cassems).

 A ACP fica na Rua Sete de Setembro, 693, Centro.

 

 

Banner Whatsapp Desktop
FORT ATACADISTA - Carne Fresca (interno)

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Considerando a pandemia do novo coronavírus, você acha que o TSE deveria ter editado resolução e tornado o voto não obrigatório este ano?

Votar
Resultados
GAL COSTA
TJ MS
pmcg ms