06 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Política

Reafirmando compromisso com a Capital, vereadores abrem ano legislativo

3 fevereiro 2014 - 14h57
Divulgação
Cassems

Na manhã desta terça-feira (4), a Câmara Municipal de Campo Grande abriu oficialmente ao ano legislativo de 2014 com a realização da Sessão Solene de inauguração da 2ª Sessão Legislativa da 9ª Legislatura.

Com o Plenário Oliva Enciso lotado de secretários, funcionários municipais, lideranças comunitárias e a população em geral, o presidente da Casa de Leis, Mario Cesar deu início aos trabalhos legislativos deste ano, contando com a presença do prefeito Alcides Bernal, que apresentou aos vereadores um relatório sobre a atual situação do município.

Regimentalmente, os líderes de bancada discursaram na Tribuna enaltecendo o papel do Legislativo e reforçando a parceria com a Prefeitura de Campo Grande em prol do desenvolvimento de Campo Grande. 

“Queremos manter uma relação fraterna com a Prefeitura de Campo Grande, estreitando cada vez mais os laços com o prefeito, fazendo com que o Legislativo e o Executivo caminhem juntos em uma só direção: o bem-estar do povo campo-grandense. Quero iniciar este ano legislativo agradecendo a participação popular, que tanto contribui e avaliza o nosso trabalho, e que possamos renovar essa parceria para que novos projetos e ações sejam realizados de modo a garantir o bem-estar social e o desenvolvimento de nossa cidade. Afinal, são vocês cidadãos que fazem o nosso trabalho valer a pena e é por vocês que estamos aqui hoje. Esta é a Casa do Povo e a presença do povo acompanhando as ações do legislativo é que legitima o nosso trabalho.”, afirmou o presidente Mario Cesar.

Em nome dos vereadores do PMDB, a vereadora Carla Stephanini destacou que “essa Casa sempre esteve pronta a atender os interesses da nossa Campo Grande e da nossa população. Dá para contar na mão os Projetos encaminhados pelo Executivo, mas todos eles foram aprovados. Mesmo que necessitando de ajustes, estivemos sempre prontos para atender os interesses maiores que são os da nossa população que é o nosso dever. E assim estaremos: sempre prontos.  É o interesse de CG que nos move e motiva, que nos faz debater e construir propostas, ideias e legislar para que Campo Grande possa ser justa, solidária e possa retomar o caminho do desenvolvimento econômico e social. E que em 2014 possamos superar o estado de letargia que estivemos em 2013”, afirmou.

Pela bancada do PSD, o vereador Chiquinho Telles explicou que “Campo Grande é maior que tudo isso. Campo Grande merece respeito de todas as partes. A população nos cobra e nós cobramos de quem é de direito: do prefeito e secretários. Do jeito que vem volta, temos que estar atentos a estes diálogos. Sempre digo que se o prefeito somente atender as indicações ele faz um baita mandato, não precisa inventar nada. Campo Grande é maior do que todas as picuinhas que existem”, enfatizou.

O vereador Zeca do PT discursou em nome da bancada petista e afirmou ao prefeito: “sei quanto desafiador e angustiante é o início de um mandato. Governar uma cidade como essa, com tamanha pujança, não é um desafio fácil. Modelar a administração depois de 16 anos, modelar ao seu perfil é um processo lento e custoso. É muito bom enaltecer as conquistas do primeiro ano, até para motivar sua excelência e sua equipe, motivar a nós todos. Iniciamos um novo ano e queremos construir um novo espaço do diálogo”, disse.

Em nome da bancada do PTdoB, o vereador Eduardo Romero afirmou que 2013 foi para esta Casa um ano de desafios e novos ritmos, ficando muito mais evidentes os papéis fundamentais de cada um: poder executivo, legislativo e o papel do povo. Surgiram as cobranças presenciais e nas redes sociais. O judiciário cobra, fiscaliza e exigiu de todos os poderes, que cumprissem e desenvolvessem seus papéis. Nada mais foi do que uma exigência do papel legal de suas funções. E nesse ato de fiscalização somos obrigados a tomar posições às vezes mal interpretadas. O Ptdo B está aqui para fazer oposição com responsabilidade, assim nos portamos em 2013 e nos portaremos em 2014. É dessa forma que o PTdoB pretende se portar, se posicionando como 3 vereadores que chegaram para estar em conjunto com a sociedade, cumprindo seu papel enquanto vereadores. Quero enquanto vereador, que tenhamos o que a Constituição Federal prega: que os poderes sejam harmônicos entre si. A harmonia é como amizade, não se vira amigo de alguém do dia pra noite, você conquista e constrói. Você caminha junto, mas não significa que os amigos vão concordar e aceitar tudo que você faz. Os amigos vão colocar a mão na ferida e dizer o que está errado e precisa ser corrigido. Acima de tudo estamos aqui para cumprir nossa função enquanto agentes políticos e enquanto vereadores”, frisou.

O líder do PP, vereador Cazuza enalteceu o trabalho desenvolvido pelo partido progressista. “Quero destacar a grandeza do trabalho realizado pelo PP, sempre prezando pela economicidade e moralidade, que passaram a ser marcas dessa administração, que está aqui para ter as pessoas em primeiro lugar. Ninguém pode negar que Alcides Bernal fez muito por nossa Capital. Sua administração está voltada para nossa população, prova disso são os Ceinfs passarem para a SEMED, pois todos querem educação de qualidade e não assistencialismo. Quero agradecer a Deus pela história que vamos construir. Estamos trabalhando pela harmonia e que a paz prevaleça”.

Segundo a líder do PR, vereadora Grazielle Machado, “daqui pra frente tudo será diferente, mas algumas coisas terão que mudar. A cada um que falava nessa tribuna eu observava o prefeito e vi o olhar de amor e respeito durante a fala do vereador Cazuza, ele prestou atenção nas palavras do vereador. Talvez devêssemos começar a mudar usando esse mesmo olhar que vossa excelência olhou ao seu fiel escudeiro. É isso que temos que ter agora, é esse olhar de respeito e carinho que esta vereadora republicana busca. É com este olhar, ele é o que pode mudar todas as coisas. Como vereadora eu quero me propor a levantar a bandeira da mudança da atitude, para que nós não pecamos pelo excesso, mas não nos deixamos pecar pela omissão”, afirmou.

Para o vereador João Rocha, da bancada do PSDB, “não é fácil administrar uma cidade que está batendo a casa de 1 milhão de habitantes. Iniciamos o ano de 2014, um ano importante, por dois aspectos: pelo aspecto político, porque precisamos dar valor à política, precisamos politizar, somos agentes políticos, legitimamente eleitos, para lutar pelos interesses da população. É isso que o povo espera quando vai lá e escolhe. É essa responsabilidade que pesa sobre cada um de nós. O segundo aspecto é a realização de uma Copa do Mundo nesse país, vamos estar nos expondo ao mundo, mundo inteiro focado para o Brasil, os estados e suas cidades. Que 2014 seja para a nação um ano profícuo. Que nossa capital possa fazer eco desse momento de expectativa do país para um desenvolvimento ainda maior”, afirmou.

O vereador Paulo Pedra discursou em nome do PDT e afirmou que o partido irá “auxiliar na governabilidade, contribuindo com sugestões. Temos Pontos positivos dessa administração que ainda não conseguimos expressar para o resto do país. Nenhuma capital consegue dar tarifa zero com as gratuidades que Campo Grande tem. Temos hoje 25 gratuidades e o prefeito, atendendo esta Casa, ainda aumenta a gratuidade para os cursos técnicos. Nossas crianças estão satisfeitas com a merenda escolar. Houve uma valorização da guarda, que mudou totalmente o seu atendimento. O bom trabalho desenvolvido na Funesp, o grande trabalho desenvolvido pela nossa colega vereadora Thais Helena na SAS. Só faço um pedido: que em nossas escolas o atendimento em tempo integral possa ser estendido até o 6° ano, assim como fazer mais escolas em tempo integral. Precisamos fazer mais uma escola agrícola em Campo Grande. A escola agrícola que temos foi feita na época do Lúdio Coelho, de lá pra cá nenhum prefeito foi atrás para fazer outra escola agrícola. Vamos lutar pelo restaurante popular, que é uma reivindicação do vereador Zeca, também mais habitação e loteamento social. Quero ainda pedir uma avaliação para fazer uma rodoviária adequada para o povo de Campo Grande, merecemos uma rodoviária a altura de Campo Grande. Precisamos lutar pelo término do hospital do trauma, que haverá de contribuir muito com os politraumatizados que temos todos os dias. Que possamos fazer um ano mais tranqüilo e propositivo”, disse.

A vereadora Luiza Ribeiro, do PPS, afirmou que “neste primeiro ano o governo municipal deu saltos importantíssimos. Não podemos deixar de falar sobre as decisões tomadas pelo transporte coletivo, todos diziam na mesma voz que queriam a redução da tarifa e essa administração deu um passo importante: o da tarifa, mostrando que é possível governar criando uma tarifa mais justa pelo transporte urbano. Sem contar os avanços na educação, pela coragem de ter recuperado uma questão importantíssima para educação, que é a educação infantil ser transferida para a SEMED. Tem 14 anos que a sociedade reclama que a educação infantil tem que ter toda técnica que a SEMED tem. Na saúde soube-se responder aquela demanda, contratamos 400 novos profissionais, todos os campo-grandenses sentiram que mudou e melhorou a saúde. Além da garantia de recursos para cultura, com mais R$ 9 milhões para a cultura de Campo Grande. E a criação da Secretaria da Mulher. Esperamos sempre mais, porque precisamos sempre avançar”, avaliou.

Discursando pela bancada do PSB, o vereador Carlão alegou que “não venho para falar sobre qualidades ou defeitos, porque sei que a intenção é de fazer tudo perfeito. Não venho reivindicar nada do que foi feito e será feito. A cobrança será feita amanhã na sessão. Faço parte de um grupo político, ninguém chega onde chega por acaso. Meus amigos são os mesmos de 20 anos atrás, amigos de sempre. Não abandono meus amigos que me ajudaram a chegar aqui e com ajuda desses amigos votei contra a processante. Vou continuar fazendo com que meu mandato saia daqui e chegue lá no bairro. Fui eleito para ajudar o povo e quero que meu mandato ajude o povo. Vou estar aqui pronto para ajudar prefeito a administrar essa cidade, mas deixo claro que superveniência é uma coisa, harmonia é outra”, revelou.

A vereadora Juliana Zorzo, do PSC, afirmou que “estamos aqui de cara limpa, queremos fazer o melhor por Campo Grande. Estou aqui há 9 meses e tenho dois Projetos aprovados. Estou a inteiramente à disposição do secretário Chadid para ajudar a regulamentar essa disciplina sobre drogas nas escolas. Tenho 16 Projetos em tramitação. Tudo isso me trouxe amadurecimento e crescimento. Em 2014 continuarei firme, estou aqui para fazer algo pela sociedade, para lutar pelos jovens, pelo combate às drogas. Continuarei a trabalhar pelo interesse da população, só gostaria de pedir ao prefeito que fosse dada mais autonomia para o secretários para realizarmos as coisas com mais eficiência. Esqueça os velhos erros, deixe para trás as desavenças”, disse a parlamentar ao prefeito Alcides Bernal.

Pela bancada do PTB, o vereador Edson Shimabukuro, afirmou que “cada vez mais estaremos lutando pela educação, pois quanto mais gastamos com educação, menos gastamos com segurança. Um detento sai três vezes mais caro que um aluno. A educação será também preventiva. Afinal gastamos menos na prevenção do que na correção. Lutaremos para que a educação em tempo integral seja dedicada também para a educação física e artística, que a parte esportiva integrada nessa educação. Quero convocar o prefeito para que possamos comemorar o centenário da imigração japonesa em Campo Grande.

Conforme o vereador Elizeu Dionizio, da bancada do SDD, “2013 foi um ano que aprendi com cada um dos colegas aqui presentes. Começo esse ano com novos desafios, com a perspectiva de uma nova forma de fazer política. Quero contribuir para as bandeiras desse partido SDD, que hoje conta com 24 deputados federais, se tornando a 8ª maior bancada da Câmara Federal. Acredito que o SDD tem meta de não só crescer, mas contribuir com as políticas públicas federal, estadual e municipal. Nosso maior desafio é construir um partido novo. Sabemos dos desafios desse ano e queremos contar com vossa excelência no quadro do nosso partido”, afirmou Elizeu convidando o vereador Chocolate para integrar a bancada do partido Solidariedade.

 

Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE