25 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
ELEIÇÕES 2020

Disputa por cadeira na Câmara Municipal de Campo Grande vai reunir mais de 770 candidatos

Conforme os números do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Campo Grande terá 776 candidaturas, sendo a sétima Capital com o maior índice

23 setembro 2020 - 09h15Carlos Ferreira
Conforme a estimativa do TSE em agosto, a previsão era que mais de 700 mil políticos sejam candidatos nas eleições de novembro em todo o Brasil
Conforme a estimativa do TSE em agosto, a previsão era que mais de 700 mil políticos sejam candidatos nas eleições de novembro em todo o Brasil - (Foto: Arquivo/Agência Brasil)
Fort  Atacadista - 21 ANOS

Os eleitores de Mato Grosso do Sul terão que escolher em novembro os prefeitos e vereadores. Neste ano, por exemplo, o alto número de candidatos na briga pela prefeitura de Campo Grande tem como reflexo o alto índice de candidatos a vereadores aprovados pelos partidos para a disputa eleitoral deste ano.

Conforme os números do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Campo Grande terá 776 candidaturas, sendo a sétima Capital com o maior índice. Se tratando da disputa pela Prefeitura de Campo Grande, são 15 candidatos.

Gráfico apresentando as capitais com os números de candidatos a vereador

Os dados coletados de todas as capitais do Brasil, indicaram que desde o ano de 2000, é o maior índice de candidatos.

Conforme a estimativa do TSE em agosto, a previsão era que mais de 700 mil políticos sejam candidatos nas eleições de novembro em todo o Brasil. No último pleito municipal, em 2016, o número foi 46% menor: 479,9 mil. Enquanto isso, o eleitorado apto a votar cresceu só 2,66% entre uma eleição e outra.

O aumento, de acordo com o presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, deve ocorrer por causa do fim das coligações. "O aumento relevante do número de candidatos tem relação sobretudo com a vedação pelo Congresso, também em boa hora, das coligações proporcionais. Portanto, todos os partidos estão lançando candidaturas próprias", disse o ministro em entrevista coletiva de imprensa.

Os dados coletados de todas as capitais do Brasil, indicaram que desde o ano de 2000, é o maior índice de candidatos

Limite com gastos - O TSE divulgou os limites de gastos que os candidatos aos cargos de prefeito e vereador deverão respeitar em Campo Grande para concorrer nas Eleições Municipais de 2020.

Na Capital, o candidato à prefeitura poderá gastar até R$ 7.609.782,17 no primeiro turno. No segundo turno até R$ 3.043.912,87. Já o candidato a vereador vai poder gastar até R$ 732.621,66 cada.

Houve um aumento já que nas eleições municipais de 2016, o teto era de R$ 6.679.971,85 para prefeito e para vereador de R$ 643.105,41.

Este ano as eleições estão marcadas para o dia 15 de novembro no primeiro turno e 29 de novembro para o segundo turno.

Banner Whatsapp Desktop
AL MS
ALMS