06 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Polícia

Polícia prende na Bahia suspeito de lançar rojão em cinegrafista

12 fevereiro 2014 - 09h51
Avião que aterrissou no Galeão
Avião que aterrissou no Galeão - Fabio Motta / Estadão
Cassems
Preso de madrugada em um hotel na cidade baiana de Feira de Santana (a 100 km de Salvador), Caio Silva de Souza, de 23 anos, suspeito de matar um cinegrafista da Band com um rojão, em protesto do dia 6 no Rio, chegou ao Aeroporto Internacional do Rio às 8h40 desta quarta-feira.
 
O voo comercial que trouxe o auxiliar de serviços gerais parou no meio do pátio, e Souza foi a segunda pessoa a desembarcar, logo após um oficial da Polícia Civil do Rio. Em seguida, dois outros policiais que o escoltavam também desceram do avião.
 
Souza saiu pela porta traseira e, logo após descer a escada de apoio, foi conduzido a uma viatura da Polícia Civil. O acusado pela morte do cinegrafista Santiago Andrade foi levado diretamente para a Cidade da Polícia (Jacaré, zona norte), onde chegou às 9h30. O delegado da 17ª Delegacia de Polícia, Maurício Luciano de Almeida, responsável pela prisão na Bahia, dará entrevista coletiva.
 
Souza foi localizado às 2h no quarto de um hotel, próximo à rodoviária de Feira de Santana. Também presente no momento da captura, o advogado Jonas Tadeu afirmou, em entrevista à TV Globo, que o cliente e o outro acusado, Fábio Cardoso Barbosa (preso no fim de semana), são "jovens que são aliciados, jovens que são manipulados", mas não disse por quem.
Banner Whatsapp Desktop

Deixe seu Comentário

Veja Também

Mais Lidas

Banner TCE