18 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
sebraeorienta
TURISMO

Última reunião para atualização do Mapa do Turismo do MS acontece nesta segunda-feira

Os técnicos da Fundtur apresentam os critérios exigidos pelo MTur e pela Fundação para os municípios que queiram estar inseridos no mapa

29 maio 2017 - 10h23
Os municípios de Mato Grosso do Sul tem até 30 de junho para encaminhar as informações solicitadas pelo MTur para a Fundtur
Os municípios de Mato Grosso do Sul tem até 30 de junho para encaminhar as informações solicitadas pelo MTur para a Fundtur - Divulgação

Desde o dia 12 de maio, a Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur-MS), percorre regiões turísticas do Estado para se reunir com empresários do setor e órgãos oficiais do turismo. O principal objetivo das reuniões é fazer a atualização do Mapa do Turismo de Mato Grosso do Sul, que vai compor o Mapa do Turismo Brasileiro, ferramenta importante para definir a estratégia de atuação do Ministério do Turismo (MTur) na formulação das políticas públicas para o setor.

Os técnicos da Fundtur apresentam os critérios exigidos pelo MTur e pela Fundação para os municípios que queiram estar inseridos no mapa.  Entre eles, estão a existência e efetiva atuação de instâncias de governança como um Conselho Municipal de Turismo (Comtur), por exemplo.

Segundo o diretor-presidente da Fundtur, Bruno Wendling, a atualização é fundamental no processo de ordenamento dos territórios turísticos do Estado e principalmente no planejamento das ações, tanto da Fundtur, quanto das próprias regiões. “É importante que essa atualização aconteça com critérios objetivos e que contemplem os municípios organizados, que desejam e tenham condições de trabalhar a atividade turística, para que tenhamos de fato o mapa turístico do estado inserido no mapa brasileiro”, ressalta.

Além da atualização do Mapa Turístico Brasileiro, estão sendo apresentadas as linhas de atuação da Fundação de Turismo 2017/2018: profissionalização da gestão (estadual e municipais), fortalecimento das instâncias de governança, inovação e diversificação da oferta turística, posicionamento de mercado e pesquisa. Também está na pauta a terceira fase do Sistema de Classificação dos Municípios (Semear/Nascer/Frutificar/Colher), que começou em 2013 e será passará por uma reformulação em 2017.

A última reunião acontece nesta segunda-feira (29.5) em Naviraí (regiões Sete Caminhos da Natureza e Vale das Águas) e Aparecida do Taboado (região Costa Leste e Vale do Aporé) com a presença do diretor-presidente da Fundtur. Técnicos da Fundação de Turismo de MS já se reuniram com empresários e gestores de Dourados (região da Grande Dourados), Ponta Porã (Caminhos da Fronteira), Coxim (região turística Rota Norte), Campo Grande (região Caminho dos Ipês), Jardim (Serra da Bodoquena) e Miranda (região Pantanal).

A partir de 1° de junho começa a inserção dos documentos no Sistema de Informações do Programa de Regionalização do Turismo e validação das Regiões Turísticas junto aos Fóruns e/ou Conselhos Estaduais de Turismo. Os municípios de Mato Grosso do Sul tem até 30 de junho para encaminhar as informações solicitadas pelo MTur para a Fundtur. O processo de atualização termina em 31 de julho.

Banner Whatsapp Desktop
GAL COSTA

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Considerando a pandemia do novo coronavírus, você acha que o TSE deveria ter editado resolução e tornado o voto não obrigatório este ano?

Votar
Resultados
TJ MS INTERNO
pmcg ms
TJ MS