28 de fevereiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
investimentos do FCO no MS

Novos investimentos do FCO no MS já somam R$ 298 milhões

Além da expansão da suinocultura, irrigação e energia solar estão entre os destaques das aprovações do FCO

22 janeiro 2021 - 08h14
Em 2020, FCO financiou sistemas de geração de energia fotovoltaica em 16 municípios de MS
Em 2020, FCO financiou sistemas de geração de energia fotovoltaica em 16 municípios de MS - (Foto: Governo do Estado de MS)

Na primeira reunião do CEIF-FCO (Conselho de Investimentos Financiáveis pelo Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) de 2021, já foram aprovados R$ 298 milhões em investimentos importantes nos setores rural e empresarial para diversos municípios do Estado, entre eles Dourados, Naviraí, Ivinhema e Jateí.

No total foram avaliadas 112 cartas-consultas, um volume de pedidos que para o secretário da Semagro Jaime Verruck, demonstra otimismo para o começo do ano e reforça o potencial investidor dos empresários de Mato Grosso do Sul.

Além da expansão da suinocultura, irrigação e energia solar estão entre os destaques das aprovações do FCO.

Na mesma reunião também foram deliberadas as novas diretrizes para tomada de crédito do Fundo em 2021, e entre as mudanças, está o limite de 20% do total de recursos disponíveis para o ano destinados a capital de giro dissociado no FCO Empresarial. Outros 20% são destinados a custeio agrícola dissociado no FCO Rural.

Outra mudança, inclusive apresentada pela Famasul, foi na linha para aquisição de fêmeas bovinas, limitado a R$ 2.050 para aquisição de matrizes até 24 meses e R$ 2.425 para aquisição de matrizes de 24 a 36 meses. Para touro PO o limite de financiamento subiu para R$ 12 mil por animal e também houve incremento no valor financiável para retenção de matrizes.

Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE
TJ MS